Cezar da Luz
142 ARTIGOS
Cezar da Luz é gaúcho de São Gabriel, aquerenciado há 40 anos em Chapecó. Na imprensa é colunista do Diário do Iguaçu/Folha de Chapecó e há 16 anos apresenta o programa Chama Nativa na Rádio Super Condá Am 610. Também é pesquisador e palestrante da história e cultura gaúcha.

CTG Jayme Caetano Braun: A tradição no coração do Brasil

Após a fundação do “35 CTG” – o primeiro dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs), em 1948 –, outros começam a surgir praticamente em todas as cidades do Rio Grande do Sul e em algumas de outros estados. Hoje, milhares de entidades tradicionalistas se espalham e reúnem tradicionalistas – até mesmo em outros países foram fundados CTGs. Evidentemente que a nossa querida capital federal, por meio do valoroso povo gaúcho que foi habitando por lá, não ficou de fora do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG). A chegada mais efetiva dos gaúchos ao Planalto Central se deu com a construção de Brasília. Em 1957, caminhoneiros gaúchos que abasteciam a construção da nova capital, enquanto aguardavam o descarregar de suas cargas, matavam as saudades com o churrasco, o chimarrão, as músicas e causos, introduzindo dessa forma a cultura gaúcha nestes pagos. Após a fundação da capital federal, vieram militares, funcionários públicos, agricultores e criadores. Estes gaúchos fundaram CTGs. Destacamos os CTGs Saudades da Querência, Tropeiros do Sul, Galpão Farroupilha, Querência Farroupilha, Estância Gaúcha do Planalto e o Jayme Caetano Braun.

Fundação

As primeiras reuniões foram lideradas pelos missioneiros Renato Fioravanti e Arlindo de Oliveira Xavier Neto, que viriam a ser, respectivamente, o 1º patrão e o 1º capataz-geral do CTG JCB. Em 10 de janeiro de 1987, foi assinado o primeiro manifesto de fundação e, em 4 de abril daquele mesmo ano, finalmente tivemos a sua fundação. Este é o CTG sediado na capital de todos os brasileiros, uma entidade que tem por finalidade maior o culto das tradições gaúchas, manifestações culturais e história. No ano em que o CTG comemora o seu 32º aniversário, a atual patronagem liderada pelo patrão Gilberto Zortéa brinda a todos com uma especial programação social e cultural pelo aniversário da entidade e também pelo Dia do Pajador (comemorado em 30 de janeiro) – que faz referência ao grande Jayme Caetano Braun.

Parabéns a patronagem e associados desse CTG, um dos mais importantes do tradicionalismo gaúcho no Brasil.

Mauro Magno Machado estará no Encontro Nacional da Juventude Tradicionalista

O amigo Mauro Magno Machado é um dos grandes tradicionalistas lá da capital brasileira que estará no Encontro Nacional da Juventude Tradicionalista, a ser realizado dias 6 e 7 de abril em Chapecó. O evento é promovido pela Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha e ocorrerá no CTG Herança Gaúcha. O tradicionalista do CTG Jayme Caetano Braun é reconhecido pelos seus relevantes serviços à tradição. Ele é diretor de esportes da CBTG e do MTG-Planalto Central, além de coordenador técnico da rádio MTG-PC. Com certeza, assim como os tradicionalistas de todos os rincões do Brasil, será muito bem recebido em Chapecó.




Mauro Magno Machado em uma das muitas homenagens já recebidas


DEIXE SEU COMENTÁRIO