Chapecoense Futsal já faz planejamentos para 2019

Equipe encerrou as atividades nas quadras na última semana e já projeta competições de 2019 e mais vagas nas escolinhas para jovens atletas

A Associação Chapecoense de Futsal (ACF) encerrou as atividades de 2018 nesta semana e comemorou o crescimento da equipe durante o ano de 2018. Se as atividades em quadra encerraram, a diretoria já começou o planejamento para a temporada de 2019.


O presidente da ACF, Diógenes Lang, destacou que apesar de ter sofrido algumas surpresas dentro de quadra, a equipe teve personalidade e fez uma temporada dentro da média.


"O balanço é de um ano positivo em todos os aspectos. Algo que nos deixou triste foi a não classificação para os Jogos Abertos, mas foi algo que envolveu muito mais que nossa vontade”, disse. Ele ressaltou a conquista da Olesc, além do bicampeonato nos Jogos Universitários Catarinenses (JUCs) e da quarta colocação na Copa Santa Catarina.

 

Orçamento cumprido à risca

 

Lang também considera que 2018 foi um ano importante para a saúde financeira do clube. Isso porque o orçamento previsto para o ano foi cumprido à risca, estabilidade que permitiu transmitir tranquilidade aos atletas com relação a contratos.


Com o calendário de jogos da equipe adulta encerrado no fim de novembro, a associação também encerrou os contratos com jogadores, incluindo garantias como seguro e bolsas de estudo.

 

Objetivos para 2019


Para o próximo ano, o objetivo da equipe é retomar a tradição dos grandes jogos na cidade e atrair cada vez mais a torcida, diz o presidente.


"O grande destaque é a disputa da Liga Catarinense, uma competição mais regionalizada e com calendário maior, já que não tem a Liga Nacional como prioridade. Assim teremos uma temporada mais definida e com a certeza de jogos em todos os sábados", afirma Lang. A Chape também entrará em quadra pelos Jogos Universitários Catarinenses e pelo Campeonato Estadual sub17, em convênio com o C5/AABB.

 

Mais vagas para jovens atletas


A ampliação no atendimento das escolinhas de futsal em Chapecó também está nos planos para a nova temporada. Operados em parceria com o Projeto Atleta do Futuro da Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer (SEJEL), os polos passarão a atender cerca de 500 crianças, praticamente dobrando o número de atletas, também contará com novos professores graduados na Unochapecó através do Bolsa-Atleta. As novas parcerias também envolvem a escolinha de formação Brasileirinhos, que leva futebol e futsal à região do Bairro Efapi.

 

Elenco para 2019


A montagem do elenco que disputará as competições em 2019, o clube aguarda decisões relacionadas a possíveis alterações no convênio com as modalidades que representam o Município e na contratação de professores.


"Apesar de ser um momento de indefinição, nós visamos em 2019 priorizar fazer o que estamos fazendo, mais cedo. Isto envolve o diálogo com patrocinadores e também o início da Liga. Temos convicção de que tudo será resolvido da melhor maneira possível com o poder público, e em breve estaremos novamente reunidos com o torcedor e fazendo o que amamos", finaliza Lang.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Liga Catarinense de Futsal confirma novidades para a temporada 2019
Tênis de mesa de Concórdia quer reativar o circuito municipal escolar
Prefeitura de Chapecó vai repassar R$ 2,5 milhões ao esporte amador em 2019
Base do Concórdia inicia preparação. Copa Maravilha é o primeiro desafio em 2019
Pedal Só Delas é novidade para mulheres que querem começar a pedalar em Chapecó
Karatê: Chapecoense Marco dos Anjos começa 2019 na seleção brasileira
Concórdia Atlético Clube abre matrículas para escolinha de futebol
Poker Catarinense: Ferronato termina o ano em grande fase
Douglas Grolli assina com Marítimo de Portugal
Por que os jogos de apostas são ilegais no Brasil?