Com Eduardo na vaga de Apodi, Chape busca 1ª vitória fora de casa no Brasileirão

Verdão enfrenta o América-MG pela última rodada antes da parada para a Copa do Mundo. Os dois times têm a mesma pontuação

Em seu último compromisso antes da Copa do Mundo, a Chapecoense enfrenta o América-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte, pela 12ª rodada da Série A do futebol brasileiro, nesta quarta-feira (13), em horário atípico para um dia normal de semana, 16h, e busca a primeira vitória fora de casa no campeonato. Até agora, são quatro derrotas e dois empates jogando longe da Arena Condá.

Titular da defesa verde-branca, o zagueiro Douglas dá a receita para o Verdão vencer em Minas Gerais. “Temos que ser inteligentes, equilibrados, saber que vamos enfrentar um adversário que, principalmente dentro de casa, vem fazendo grandes jogos. Se conseguir juntar estes fatores, a gente terá grandes chances de levar um bom resultado para Chapecó”, comentou.

Douglas também destaca os pontos positivos do Coelho e cita um jogador. “Vamos enfrentar uma boa equipe, com jogadores que vêm se destacando. Tem o Serginho, um meia que vem fazendo boas partidas, com gols e passes para gols. Temos que tomar cuidado com toda a equipe do América, para não sermos surpreendidos”, observa o defensor.

O técnico Gilson Kleina não conta com dois titulares do Verdão nesta quarta. Um deles é o lateral direito Apodi, que recebeu propostas de clubes do Japão, da Tailândia e do mundo árabe, e foi liberado para tratar de sua saída. Deve optar pelo futebol japonês. Eduardo é o substituto imediato.

O outro desfalque é o atacante Arthur Caike, que cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. A vaga deve ficar com o volante Luiz Antônio, retornando ao 4-4-2, mas não se descarta a entrada do garoto Bruno Silva, o que manteria o esquema 4-3-3. Lesionados, os reservas Vinícius Freitas, lateral esquerdo, e Guilherme, atacante, também não viajaram.

A Chape está em 14º lugar no Brasileirão com 13 pontos, ficando uma posição atrás do Coelho pelo número de vitórias. Os dois não correm o risco de entrar para a zona de rebaixamento até a parada para o Mundial da Rússia.

 

AMÉRICA-MG x CHAPECOENSE

América-MG: Jory; Norberto, Messias, Matheus Ferraz e Gérson Magrão; Leandro Donizete, Christian e Serginho; Aylon, Rafael Moura (Judivan) e Luan. Técnico: Enderson Moreira.

Chapecoense: Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Elicarlos, Márcio Araújo, Canteros e Luiz Antônio (Bruno Silva); Wellington Paulista e Leandro Pereira. Técnico: Gilson Kleina.

Arbitragem: Paulo Roberto Alves Júnior, auxiliado por Pedro Martinelli Christino e Luciano Roggenbaum – trio do Paraná.

Data: 13 de junho de 2018. Horário: 16h. Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG).

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Reservas da Chape levam duas bolas na trave e ficam no empate com o Metrô fora
Calendário cheio para o futebol feminino da Chapecoense
Começa o rodízio na Chapecoense. Reservas encaram o Metropolitano
Luciano Gusso valoriza entrega da Chape e projeta evolução da equipe
Avaí larga na liderança do Catarinense. Chape e Figueira dividem o 2º lugar
Wellington Paulista salva a Chapecoense! Vitória na estreia: 1 a 0
Nenén pendura chuteiras, vai trabalhar na base da Chape e terá jogo de despedida
Missão da Chape no Catarinense: buscar neste ano o que perdeu em 2018
Dois empates abrem o Catarinense. Primeira rodada termina nesta quinta
Rodízio de time, estreia, objetivo, contratações. Confira o que diz o técnico da Chape