De saída! Chape empresta atacante Júlio César à Ponte Preta

Jogador disputará a Série B pela equipe do interior paulista

- Publicidade -
 

Pela segunda temporada consecutiva, o atacante Júlio César será emprestado pela Chapecoense. O clube do Oeste catarinense confirmou na tarde desta sexta-feira (22) o empréstimo do jogador a Ponte Preta até dezembro deste ano.

Contratado em agosto de 2017 junto ao Oeste (SP), para substituir Rossi, negociado com o futebol chinês, Júlio César, 24 anos, nunca se firmou no Verdão. Em 2018, ele acabou emprestado ao Atlético-GO e foi titular na campanha que quase levou o Dragão à Série A.

Júlio César voltou a Chapecó após a Série B. Recebeu oportunidades do técnico Claudinei Oliveira, mas não conquistou o seu espaço. Algumas equipes manifestaram interesse no atleta, conforme antecipou o Diário do Iguaçu, entre elas a Ponte Preta. Vai disputar a Série B novamente.

>>> Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região

O contrato de Júlio César com a Chape vai até julho de 2020. O time verde-branco deve emprestar outros jogadores que não estão sendo regularmente aproveitados.

Leia também: Chapecoense busca reforços e estuda empréstimo de jogadores a outros times

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Após rescindir com a Chape, Bryan diz estar 'voltando para casa' ao acertar com o Náutico
Chapecoense contra o Ceará: Amaral na zaga, nova chance a V. Locatelli e volta de H. Almeida
Chapecoense vence o Avaí e larga em vantagem na decisão do Catarinense Sub-15
Adversário de Maninho De Nes na eleição, Mano Dal Piva é o novo vice de futebol da Chape
Em clima de decisão, técnico Yan trabalha mentalidade vencedora no sub-15 da Chapecoense
Site esportivo da Itália sobre o momento da Chapecoense: falência e rebaixamento
Em reformulação fora de campo, Chapecoense começa a anunciar novos dirigentes após renúncias
Revelação da base, Hiago é o único zagueiro da Chapecoense em condição de jogo
Chapecoense pode ser rebaixada, matematicamente, na próxima rodada do Brasileirão
Chape paga salário dos funcionários com renda do último jogo. Atletas ainda esperam