Governador autoriza chamada de 320 Policiais Civis e agentes do IGP

Durante reunião na manhã de hoje, Raimundo Colombo também autorizou a abertura de concurso para o Corpo de Bombeiros e para formação de novos agentes da Polícia Civil

- Publicidade -
 

Florianópolis

 

O Governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, autorizou, na manhã desta quinta-feira (20), a nomeação de 320 novos Policiais Civis, sendo 234 agente de polícia, 25 delegados e 61 auxiliares criminalísticos do Instituto Geral de Perícias (IGP). O anúncio foi feito após reunião com os integrantes da Secretaria de Segurança Pública de SC, com a presença do secretário Cesar Grubba.

“No dia 2 de maio, 1.804 Policiais Militares vão se apresentar para iniciar seu processo de formação. Hoje, autorizamos a chamada de mais 320 servidores de segurança. Com isso, damos um grande reforço no processo de operações, inteligência e investigação da Polícia Civil, e assim vamos aumentando a eficiência, melhorando os resultados da polícia”, destacou o governador, que reforçou a preocupação com a entrada de bandidos de outros estados. “Todos estamos conscientes da violência, da apreensão de armas cada vez mais pesadas, que muitas vezes nem a própria polícia tem, e da existência de marginais de outros estados  que tem tentado ocupar espaço aqui, e nós não vamos deixar”, salientou.

Novo concurso para Bombeiros e Polícia Civil

Além do chamado dos remanescentes do último concurso da Polícia Civil e IGP, Colombo ainda anunciou a autorização para abertura de concurso público para o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina e de mais uma turma de Policiais Civis. “É uma medida forte, decisiva, e nós estamos autorizando concurso público já para preparar 700 novos agentes de segurança pública, sendo 250 novos bombeiros e o restante da Polícia Civil. É dessa forma que enfrentaremos com cada vez mais vigor e mais força a criminalidade”, disse. O governador salientou ainda o esforço para a renovação da frota, aquisição de coletes a prova de balas, novas armas e equipamentos, além de investimentos em inteligência. “É assim que vamos debelar a violência e minimizar os efeitos dela na sociedade e proteger as pessoas”, disse.

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Homem é preso por agredir a companheira em Chapecó
Marido é preso após ameaçar mulher e filho em São Carlos
Após agredir companheira, homem é preso pela Polícia Civil em Chapecó
Após tentativa de suborno, homem é preso em Pinhalzinho
Veículo bate em poste em Xanxerê
PM apreende cigarros e munições em bar de Chapecó
PM encontra cigarros contrabandeados e munições em bar de Chapecó
PM recupera televisor furtado em Chapecó
Dois homens são presos por porte ilegal de arma
Homem é vítima de tentativa de homicídio em Chapecó