Lideranças discutem a implantação de um Hemosc em SMO

Estrutura do Hemosc no município é uma demanda antiga da população, dos governos e, especialmente, dos profissionais de saúde

Cerca de 700 pessoas da Associação dos Municípios do Extremo Oeste de Santa Catarina (Ameosc) e da Associação dos Municípios do Entre Rios (Amerios) vão todos os meses ao Hemosc de Chapecó para doar sangue.

>> Últimas notícias <<

Na tarde desta quinta-feira (10) o prefeito e presidente da Ameosc, Wilson Trevisan, esteve reunido com o presidente da Comissão Intergestores Regional (CIR), Mauro Barella, e com o diretor do Hospital regional Terezinha Gaio Basso (HRTGB), Jeferson Gomes. Na oportunidade, eles falaram sobre a implantação da unidade do Hemosc no município.

Gomes explicou que o Hemosc ofereceu para o HRTGB, ainda em 2018, a coordenação da Agência Transfusional, mas a intenção da região é que São Miguel do Oeste receba uma unidade completa, para que os doadores não precisem mais se deslocar toda vez a Chapecó. "O Extremo Oeste tem que ser autossuficiente em saúde".

Trevisan ressaltou que ter a estrutura do Hemosc no município é uma demanda antiga da população, dos governos e, especialmente, dos profissionais de saúde. "Por isso, estaremos, na próxima semana junto com Barella em Florianópolis, numa audiência com o Secretário de Estado da Saúde, a fim de tratar do assunto. Precisamos diminuir os custos e oportunizar que mais pessoas possam, diariamente, fazer sua doação de sangue e salvar muito mais vidas".


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Casa é destruída por incêndio no interior de Águas de Chapecó
Carro do Paraguai capota na SC-157 em Quilombo
Calor volta ao Estado a partir desta segunda-feira (21)
Após fuga, Guarda prende homem que dirigia bêbado no centro de Chapecó
Incêndio destrói parte de dentro de casa de Xanxerê
Família de Xaxim morre em acidente em Joinville
Homem é morto em Chapecó e suspeito estava entre curiosos na cena do crime
PRF registra 387 mortes nas rodovias federais de SC em 2018
Cuidados com as mordidas de cães devem ser redobrados nas férias