Prefeitura de Marema se pronuncia após atropelamento de ex-vereador

Um servidor público da prefeitura de Marema atropelou um ex-vereador na tarde de terça-feira (12) que morreu na hora.

A prefeitura de Marema se manifestou por meio de uma nota, ainda nesta terça-feira (12) a respeito do atropelamento que matou o ex-vereador Alcides dos Santos de 43 anos – popularmente conhecido como Índio. O fato ocorreu na rodovia SC-156 em Lajeado Grande na saída para Marema.

Em nota eles confirmaram que o atropelamento de fato envolveu um carro da prefeitura e o carro era conduzido por um servidor do município de Marema e que estava regularmente habilitado para o desempenho do cargo.

>>> Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região

Ainda conforme a nota, o servidor estava a caminho de Xanxerê para transportar um paciente que recebeu alta hospitalar. A polícia tomou as providencias relativas ao caso e o servidor, foi apresentado para as autoridades, para esclarecimentos.

“Relativamente ao serviço público exercido pelo servidor, o Município instaurou procedimento administrativo próprio para, posteriormente, tomar as providências que o caso requer; O servidor, preventivamente, foi afastado das funções, até decisão definitiva com fundamento no procedimento administrativo. O Município de Marema/SC lamenta profundamente o ocorrido, ficando a disposição da comunidade e da família para o auxílio possível, assim como para os esclarecimentos necessários à Polícia e à Justiça” concluía a nota.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Casa é destruída por incêndio no interior de Águas de Chapecó
Carro do Paraguai capota na SC-157 em Quilombo
Calor volta ao Estado a partir desta segunda-feira (21)
Após fuga, Guarda prende homem que dirigia bêbado no centro de Chapecó
Incêndio destrói parte de dentro de casa de Xanxerê
Família de Xaxim morre em acidente em Joinville
Homem é morto em Chapecó e suspeito estava entre curiosos na cena do crime
PRF registra 387 mortes nas rodovias federais de SC em 2018
Cuidados com as mordidas de cães devem ser redobrados nas férias