Principal sintoma da lesão do manguito rotador é a dor

O problema causa dor, fraqueza e limitação nos movimentos do ombro. A dor pode ser intensa e, muitas vezes, piora quando a pessoa tenta dormir de lado.

A lesão do manguito rotador ocorre mais com mais frequência em pessoas que executam movimentos de elevação e/ou rotação dos braços de forma repetida em atividades profissionais ou esportivas.

O problema causa dor, fraqueza e limitação nos movimentos do ombro. A dor pode ser intensa e, muitas vezes, piora quando a pessoa tenta dormir de lado.

>> DI Saúde

O manguito rotador é formado por um grupo de músculos e tendões que fazem parte da articulação do ombro e que auxilia na elevação e na rotação do braço, além de funcionar como estabilizador da articulação do ombro.

É formado por quatro músculos (subescapular, supraespinhoso, infraespinhoso e redondo menor) que cobrem a cabeça do úmero e têm grande importância na estabilização, na força e na mobilidade do ombro.

Segundo o médico ortopedista e traumatologista da Reichmann Ortopedia de Chapecó, Joaquim Reichmann, o manguito rotador exerce papel fundamental em atividades que exigem maior esforço na suspensão do braço. Dessa forma, é comum problemas de fricção causados por exercícios em função de exercícios de arremesso, tênis, natação ou em profissionais que atuam como pintores, carpinteiros, entre outros.

>> Últimas notícias

“Nesses casos, o condicionamento da musculatura pode ser deficiente, o que provocará fadiga, onde o grupo muscular do manguito rotador, principalmente o supra-espinhal, não consegue estabilizar a articulação”, explica.

Tipos de lesões

Existem vários tipos de lesões que o manguito rotador sofre em função de determinados esforços. No entanto, a principal delas é a lesão do tendão do supra–espinhoso, que acontece normalmente em razão de movimentos repetidos, intensos ou acima da cabeça.

“Até mesmo, dormir com os braços acima da cabeça pode representar uma causa de lesões no manguito rotador”, alerta o médico.

Reichmann salienta que o principal sintoma dessas lesões é a dor que costuma iniciar de forma leve, evoluindo para intensa e, muitas vezes, impede que a pessoa eleve o braço.

“A dor pode estar associada à fraqueza muscular, podendo provocar sobrecarga nas costas, o que leva à formação de nódulos. A forma mais adequada de evitar problemas desta natureza é condicionar a musculatura por meio de exercícios físicos”, esclarece o médico. 

O tratamento para a lesão no manguito rotador varia de acordo com cada caso clínico. Entre as formas de tratamento estão medicações, fisioterapia, acupuntura e cirurgia.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Insônia na infância pode ser sintoma de TDAH
Saiba como evitar lesões nos quadris
Sesi e Simec realizam campanha de vacinação contra a gripe
Hormônio do crescimento atua para evitar perda de peso, diz pesquisa
Hormônio do crescimento atua para evitar perda de peso, diz pesquisa
Mãe de Xanxerê vira sensação na web ao comemorar parto normal
Procura por exames de DSTs pode aumentar até 20% após o Carnaval
7 dicas para estimular a independência das crianças
Saúde lança campanha para conter avanço do HIV entre homens jovens
OMS enumera dez principais ameaças à saúde em 2019