Bruno Pace Dori
222 ARTIGOS
Formado em Comunicação Social pela Unochapecó, Bruno Pace Dori tem mais de 10 anos de experiência na área do jornalismo e assessoria. É editor de Política do Diário do Iguaçu e traz informações que são destaque em Chapecó e Santa Catarina.

Equipe do governo federal precisa reconhecer importância de SC

- Publicidade -
 

Dois dados precisam ser divulgados: 75,99% dos eleitores de Santa Catarina votaram no presidente Jair Bolsonaro (PSL) na eleição de 2018, dando a ele, proporcionalmente, a sua maior votação em um estado brasileiro. Outro dado é na questão da reforma da Previdência, onde 15 dos 16 deputados federais votaram a favor da proposta do governo.

Mesmo assim, o que tem sido visto até agora é a dificuldade na liberação de recursos para o Estado. Enormes verbas, principalmente para obras estruturantes, foram bloqueadas pelo Ministério da Economia. Não digo que Bolsonaro faça de propósito, porém, talvez esteja faltando reconhecimento de parte de sua equipe para com nosso Estado.

Sobre isso, o Ministério da Infraestrutura promete o descontingenciamento de R$ 89 milhões, retidos no Ministério da Economia. Esse dinheiro será destinado para obras na BR-470 (R$ 30 milhões), no Vale do Itajaí; na BR-280 (R$ 30 milhões), na região Norte; na BR-282 (R$ 19 milhões), no Oeste catarinense; e na BR-285 (R$ 10 milhões), no Sul do Estado.

Importante ressaltar que os recursos já estavam previstos no Orçamento Geral da União deste ano e, mesmo assim, estão bloqueados até o momento. A equipe do presidente Bolsonaro precisa reconhecer a força e a importância de Santa Catarina para nosso País. O Estado tem que ter infraestrutura para seguir produzindo e exportando para todo o mundo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO