Cezar da Luz
213 ARTIGOS
Cezar da Luz é gaúcho de São Gabriel, aquerenciado há 40 anos em Chapecó. Na imprensa é colunista do Diário do Iguaçu/Folha de Chapecó e há 19 anos apresenta o programa Chama Nativa na Rádio Super Condá Am 610. Também é pesquisador e palestrante da história e cultura gaúcha.

Onde vamos acender a Chama Crioula?

- Publicidade -
 

Faz alguns dias, trouxe aqui a notícia de que o tradicional cerimonial de geração e acendimento da Chama Crioula foi cancelado no Rio Grande do Sul. Devido à pandemia, por lá só em 2021. Os tradicionalistas de Chapecó e região, todos os anos, formam cavalgadas rumo ao “Rio Grande amado” para buscar a Chama e distribuí-la aqui em Santa Catarina. E agora, tchê?

Pois proseando com Jair Schwambach, presidente da Associação Parque Farroupilha, surgiu a ideia de fazer o acendimento da Chama Crioula no “Fogo de Chão Permanente” que é mantido aceso desde a semana farroupilha de 2019 no Parque Farroupilha de Chapecó. Poderia ser distribuído a chama para CTGs de Chapecó e até mesmo para todo nosso Estado. A ideia está lançada. Lembro que o acendimento da chama crioula marca a abertura dos festejos farroupilhas.

No ano passado tive a honra de conduzir o protocolo de acendimento do fogo de chão (foto). Dois dos momentos mais emocionantes na programação do 16º Acampamento Farroupilha de Chapecó foram a chegada da chama crioula e o acendimento do Fogo de Chão Permanente – que tem atenção especial para que não se apague e possa transformar-se em um símbolo de amor à cultura gaúcha. Na ocasião também foi descerrada uma placa em homenagem aos tradicionalistas que conduziram a chama crioula de Tente Portela (RS) a Chapecó.

CHAMA CRIOULA

A chama crioula – o grande símbolo da tradição gaúcha – está presente nos locais onde comemora-se os festejos farroupilhas. Ela nasce a partir da iniciativa de Paixão Côrtes que no fim da Semana da Pátria em 1947 pega uma centelha do fogo simbólico.

 O acendimento do Fogo de Chão Permanente foi feito com a Chama Crioula,  conduzida de Tenente Portela- RS, para Chapecó. Acampamento Farroupilha, em 2019.

DEIXE SEU COMENTÁRIO