Rodrigo Goulart
1753 ARTIGOS
Jornalista da editoria de esporte, Rodrigo aborda os lances da rodada e o que acontece no esporte do Estado. Visão crítica e apurada de quem entende do assunto.

Ranking dos clubes brasileiros nas redes sociais. Chapecoense está no Top 10

- Publicidade -
 

O Ibope Repucom divulgou, nesta quarta-feira (3), seu novo ranking digital dos clubes de futebol, incluindo, pela primeira vez, o desempenho deles em mais uma rede social: o Tik Tok. E se o futebol brasileiro, em tempos de pandemia, está parado, o mesmo não se pode dizer da movimentação das torcidas.

Os 32 clubes brasileiros que já aderiram a essa nova plataforma digital totalizam 1,9 milhão de seguidores. No geral, Flamengo, Corinthians e São Paulo lideram o ranking, e a participação deles nessa rede social os consolidou nas três primeiras posições.

Mas, em maio, o Fluminense se destacou ao atingir o segundo lugar no crescimento geral, graças ao maior volume de adesões no YouTube entre os 50 clubes que integram o ranking. Tudo em razão da apresentação da contratação do artilheiro Fred.

Dos 20 clubes da Série A, 17 já aderiram ao Tik Tok. Palmeiras, RB Bragantino e Atlético-GO ou não possuem conta oficial ou não divulgaram seus números. O ranking digital inclui 50 equipes de todas as divisões do futebol brasileiro, com seguidores no Facebook, no Instagram, no Twitter, no Youtube e no Tik Tok.

O Flamengo lidera com mais de 31 milhões de seguidores, vantagem ampliada esse mês pois o clube conta com 1 milhão de seguidores no Tik Tok, ou 52% do total nacional. O Corinthians vem em segundo, com 23,5 milhões; o São Paulo, em terceiro, soma 15,3 milhões de fãs. A Chapecoense fecha o Top 10 com mais de 5,7 milhões.

A considerar

O mais importante no futebol é a bola na rede. Os problemas ficam menores quando as malhas chacoalham. Quando o resultado nas quatro linhas não vem, a dificuldade fora delas só aumenta. Se bem que o desempenho no gramado é reflexo do que acontece nos corredores do clube.

Enfim, dei essa volta para tocar novamente no assunto do tópico principal: a importância das redes sociais para os times. A Chapecoense fechou acordo com uma empresa de marketing esportivo, a Success, de Porto Alegre (RS). Dizem que o melhor marketing de uma agremiação é contar com uma boa equipe dentro de campo. Ajuda muito, mas a atribuição do departamento em específico é desenvolver o melhor trabalho possível.

Diante disso, o marketing da Success, em parceria com o referido setor do Verdão, possui bons números para explorar. A Chape está em 10º lugar no ranking dos clubes nas redes sociais. Está na frente do Inter, por exemplo. Que os profissionais envolvidos saibam trabalhar em cima destes dados no sentido de captar dinheiro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO