Rodrigo Goulart
1753 ARTIGOS
Jornalista da editoria de esporte, Rodrigo aborda os lances da rodada e o que acontece no esporte do Estado. Visão crítica e apurada de quem entende do assunto.

Relembrando a passagem dos primeiros estrangeiros deste século na Chapecoense

- Publicidade -
 

Dias atrás o Globo Esporte procurou o Diário do Iguaçu solicitando fotos de três jogadores estrangeiros que vestiram a camisa da Chapecoense na primeira década deste século: o argentino Fábio de los Santos (2005), o ganês James (2007) e o camaronês Steve (2010). Recorremos aos nossos arquivos e encontramos as imagens.


Ganês James aquecendo antes de treinamento


O “hermano”, ex-Grêmio, foi o que mais jogou do trio. Era o principal nome da equipe que disputou a Divisão Especial, campeonato que reunia as equipes do primeiro escalão de SC no segundo semestre, apesar de ter sofrido com lesões. Metia gol. Era lateral de origem, mas por aqui atuou como centroavante. Época de vacas magras no Verdão.

O atacante James fez parte do elenco de uma edição da Copa Santa Catarina. Entrou pouco em campo. Já estava na cidade, treinando com os demais atletas, mas por questão burocrática não integrou o elenco campeão estadual.

O volante Steve foi reserva na campanha do rebaixamento no Catarinão. A Chape não caiu graças à desistência do Atlético de Ibirama com a competição em andamento. O clube do Oeste dá pouca sorte com gringos. Quem se deu bem mesmo foi o volante Canteros. Só.


Camaronês Steve com a camisa do Verdão

DEIXE SEU COMENTÁRIO