30 anos de prisão para homem que matou após briga em mesa de carteado em Concórdia

Julgamento do réu foi nesta semana. Em 2017, outro envolvido no crime foi condenado a 24 anos de prisão

- Publicidade -
 

A Justiça de Concórdia condenou a 30 anos e quatro meses de prisão o réu de um homicídio cometido em 17 de dezembro de 2016 em Concórdia. O crime foi cometido após uma briga em uma mesa de carteado, entre a vítima, o réu e seu sobrinho.

O julgamento foi realizado em sessão do Tribunal do Júri realizado nesta semana em Concórdia. Os trabalhos levaram aproximadamente sete horas, em sessão presidida pelo juiz Ildo Fabris Junior, que fixou a sentença em regime inicial fechado ao réu.

O homem é o segundo condenado na ação que apura o homicídio. Em dezembro de 2017, o sobrinho do réu já havia sido condenado pelo crime, a uma pena de 24 anos  e dois meses de reclusão, também em regime fechado.

O crime

 Segundo denúncia do Ministério Público, os homens jogavam carta no bar quando houve o desentendimento e uma briga generalizada. Duas pessoas foram esfaqueadas. Um recebeu socorro e pode se recuperar. Outra, mesmo ferida, tentou fugir mas acabou alcançada pelos agressores, que concluíram a execução.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Apreensões de maconha aumentam 46% em Santa Catarina
Homem é preso por porte irregular de arma em Chapecó
Polícia Civil prende casal em flagrante com arma em Pinhalzinho
Ricardo Alves da Silva deixará o comando do 2ºBPM de Chapecó
Mulher é presa pela Polícia Civil por tráfico de drogas entre Xanxerê e Chapecó
Motorista é indiciado por morte de motociclista em Chapecó
Homem é morto a facadas em Faxinal dos Guedes
370 bafômetros serão distribuídos para todas as cidades de SC
Carro furtado é recuperado pela Guarda Municipal em Chapecó
Em saída de sete dias homem é preso por furto em Chapecó