Agricultor é condenado a 109 anos de prisão por estuprar e engravidar filha e enteada em Ponte Serrada

A denúncia apurou que a enteada foi abusada desde os sete anos de idade, em 2007, até fevereiro deste ano, e que a filha dele também sofreu os abusos por dois anos

- Publicidade -
 

Um homem de 41 anos, morador de Ponte Serrada, foi condenado pela Justiça por ter estuprado e engravidado a filha e a enteada. A sentença foi proferida nesta sexta-feira (16) pelo juiz Luciano Fernandes da Silva, da Vara Única da comarca de Ponte Serrada. O acusado foi condenado a 109 anos e quatro meses de reclusão, em regime inicialmente fechado, pelo crime de estupro de vulnerável na forma de continuidade delitiva simples em relação a cada uma das vítimas, e por ameaças.

 A denúncia apurou que a enteada foi abusada desde os sete anos de idade, em 2007, até fevereiro do ano corrente. Ela engravidou do padrasto e conseguiu contar sobre os 12 anos de crime, durante a escuta especial. A meia-irmã, filha do autor, também sofreu os abusos por dois anos. Com ela, os atos libidinosos iniciaram quanto tinha entre 13 e 14 anos de idade e só pararam com a gestação, em fevereiro deste ano, quando conseguiu falar sobre o assunto também através da escuta especial. As duas eram ameaçadas de agressão e de morte. O acusado está no Presídio Regional de Xanxerê desde o oferecimento da denúncia. Cabe recurso da decisão.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Litígio é resolvido via Whatsapp em Dionísio Cerqueira
Em maio, SC registrou o maior número de incêndios florestais dos últimos quatros anos
Justiça determina reintegração de 40 indígenas demitidos pela Seara Alimentos
Polícia cumpre mandados e apreende armas no Meio-Oeste
Fábio Henrique Machado assume o comando do 2ºBPM de Chapecó
Seis pessoas são indiciadas por fraude em vistoria veicular em Chapecó
Carro e metade de casa são incendiados em Chapecó
Adolescente é apreendido com veículo furtado em Chapecó
Após ser solto, homem procura ex-mulher e é preso novamente em Chapecó
Polícia Civil elucida furtos em Pinhalzinho realizados pelo mesmo homem