As prioridades da Frente Parlamentar da Suinocultura

Status sanitário e rota do milho estão no mapa da comissão especial formada pela Alesc

- Publicidade -
 

A manutenção do status sanitário de Santa Catarina como estado livre de aftosa e a viabilização da rota do milho vindo do Paraguai e da Argentina estão entre as prioridades da Frente Parlamentar em Defesa da Suinocultura da Assembleia Legislativa (Alesc). O evento de lançamento contou com a presença de prefeitos, vereadores e produtores de quase 20 municípios das principais regiões produtoras do Estado.

O coordenador da frente, deputado Altair Silva (PP), destacou que a suinocultura é uma das principais atividades econômicas do estado, com impacto nas exportações e na geração de empregos. A frente, conforme ele, reconhece essa importância, ao constituir, dentro da Alesc, um grupo permanente para tratar das demandas do setor. “Vamos reforçar esse modelo econômico tão importante para o nosso Estado”.

Várias entidades do segmento participaram da reunião. O presidente da Associação Catarinense dos Criadores de Suínos (ACCS), Losivanio Luiz de Lorenzi, destacou que a frente parlamentar será importante por agregar os vários atores da suinocultura estadual. “Muitas demandas que nós precisamos na área saem aqui da Alesc. Agrega todo o setor, desde o cooperativismo, as indústrias, os produtores independentes”.

Governo

O secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Ricardo de Gouvêa, representou o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) na reunião de abertura da frente. Ele reconheceu que a questão sanitária é um dos principais desafios do setor. “Esse é um trabalho que tem que envolver todos, não só o governo. A questão sanitária é uma preocupação nossa, mas precisamos da ajuda dos prefeitos, vereadores, dos produtores”.

Participação

Os deputados Volnei Weber (MDB) e Neodi Saretta (PT), que participaram da reunião, foram escolhidos como vice-coordenador e secretário da frente. Nilso Berlanda (PR), Sergio Motta (PRB), Fabiano da Luz (PT), Moacir Sopelsa (MDB), Coronel Mocellin (PSL), Valdir Cobalchini (MDB), Vicente Caropreso (PSDB) e Romildo Titon (MDB) também estiveram na reunião.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Mourão participa de evento em Florianópolis
Governo do Estado paga primeira parcela do 13º salário
PSC se reestrutura e cresce em Chapecó
Sicom de Chapecó recebe homenagem da Câmara Municipal
Vereadores de São Lourenço do Oeste aprovam alteração no Plano Diretor
Câmara de São Miguel do Oeste aprova projetos
Projetos dos incentivos fiscais são aprovados na Alesc
Lei permitirá a regularização de imóveis irregulares e clandestinos em Chapecó
Ex-prefeito de Abelardo Luz tem bens bloqueados
As ações em execução e previstas no Plano de Mobilidade Urbana de Chapecó