Chapecoense empata na capital, elimina Avaí e pega Criciúma na semifinal do Catarinense

Time do Oeste derrubou a equipe de melhor campanha na primeira fase

- Publicidade -
 

A Chapecoense está na semifinal da Série A do futebol catarinense. Depois de se classificar às quartas de final com a última vaga (em oitavo), o clube do Oeste eliminou o dono da melhor campanha da primeira fase. Na noite desta quinta-feira, a agremiação verde-branca ficou no 1 a 1 com o Avaí, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. O marcador interessava, já que a Chape havia vencido na ida por 2 a 0, na Arena Condá, em Chapecó.

O Verdão controlava a equipe da capital do Estado até que, aos 21 minutos, um lançamento nas costas da zaga resultou no gol avaiano. Daniel Amorim recebeu na grande área e chutou na saída de João Ricardo. O time do técnico Umberto Louzer não se abateu e conseguiu empatar o jogo oito minutos depois, em jogada de velocidade. Substituto de Anselmo Ramon, que não viajou com a delegação, Aylon foi servido na grande área, dominou com estilo e bateu para a rede. Ao invés de serem pressionados, os visitantes criaram chances para virar o placar.

O Leão da Ilha começou o segundo tempo assustando em chute de Wesley aos dois minutos, mas depois só foi conseguir finalizar novamente aos 19 minutos com finalização de Valdívia. Aos 28, o técnico Rodrigo Santana tirou um lateral (Arnaldo) e um volante (Bruno Silva) para a entrada de dois atacantes (Lourenço e Gastón Rodríguez). Apesar de ter mais atacantes em campo, os anfitriões não conseguiram pressionar. A Chape, sem sofrer, segurou o resultado e se classificou à próxima etapa do campeonato.

Na semifinal, a Chapecoense vai enfrentar o Criciúma, que ganhou do Marcílio Dias por 1 a 0, em Itajaí, também nesta quinta. Primeiro duelo em Chapecó e o segundo no Sul, pois o Tigre fez melhor campanha. No outro cruzamento, jogam Juventus e Brusque, que eliminaram Figueirense e Joinville. A primeira partida será em Jaraguá do Sul e a segunda no Vale. Os primeiros confrontos serão neste domingo e os da volta na próxima quarta.

 

AVAÍ 1x1 CHAPECOENSE

Avaí: Lucas Frigeri; Arnaldo (Gastón Rodríguez), Rafael Pereira, Airton e Capa; Ralf, Bruno Silva (Lourenço), Wesley (Pedro Castro) e Valdívia (Jonathan); Rildo (Vinícius Jaú) e Daniel Amorim. Técnico: Rodrigo Santana.

Chapecoense: João Ricardo; Ezequiel, Joílson, Luiz Otávio e Alan Ruschel; Guedes (Ronei), Anderson Leite e Denner (Lima); Matheus Ribeiro, Aylon (Alan Grafite) e Paulinho Moccelin (Rone). Técnico: Umberto Louzer.

Arbitragem: Rafael Traci, auxiliado Helton Nunes e Thiaggo Americano Labes.

Gols: Daniel Amorim (A), aos 21, e Aylon (C), aos 28 minutos do 1º tempo.

Cartões: Não houve.

Público e renda: jogo com portões fechados por causa da pandemia do novo coronavírus.

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC). Data: 30 de julho de 2020.


PRINCIPAIS LANCES

Primeiro tempo

5 min – Avaí: Wesley chuta de perna direita, fora da grande área, rasteiro, mas João Ricardo espalma. No bate-rebate, a bola sai pela linha de fundo.

14 min – Chapecoense: Paulinho Moccelin descola o cruzamento da esquerda e encontra, livre, Denner, que bate de primeira. A bola passa perto do travessão.

20 min – Avaí: Valdívia chuta no alto e balança a rede, mas a arbitragem anula o gol, porque antes Capa havia saído com a bola pela linha de fundo.

GOL! 21 min – Avaí: Wesley lança, Joílson não corta e Daniel Amorim fica com a bola na grande área. Ele domina e chuta rasteiro, na saída de João Ricardo.

GOL! 28 min – Chapecoense: Em contragolpe fulminante, Anderson Leite encontra na direita Ezequiel, que cruza na medida para Aylon matar a bola e chutar para a rede.

33 min – Chapecoense: Em jogada de velocidade, Matheus Ribeiro recebe na direita e arrisca a finalização. Ele bate forte, alto, cruzado. Lucas Frigeri espalma.

Segundo tempo

2 min – Avaí: Após furada de Luiz Otávio, Wesley fica com a sobra na grande área e chuta. A bola desvia e obriga João Ricardo a fazer grande defesa.

19 min – Avaí: Valdívia pega o rebote na entrada da grande área, domina a bola e solta a bomba. João Ricardo, ligado no lance, espalma para salvar.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Em vantagem, Chapecoense decide classificação contra o Criciúma à final do Catarinense
Louzer faz alerta sobre vantagem da Chapecoense: "Não adianta sentar no resultado"
Chapecoense já está no Sul do Estado para a decisão contra o Criciúma pelo Catarinense
Chape agenda exames de Thiago Ribeiro e Lucas Tocantins e sonha com ex-Corinthians
Chapecoense vence Criciúma e abre vantagem na briga por vaga à final do Catarinense
Atleta Patrícia Maldaner, da Chapecoense, é convocada para a seleção brasileira sub-17
Em confronto entre irmãos, Chapecoense recebe Criciúma pela semifinal do Catarinense
Chapecoense pode chegar à quinta final consecutiva no Campeonato Estadual
Umberto Louzer celebra 100° jogo como treinador com classificação da Chapecoense
Chapecoense empata na capital, elimina Avaí e pega Criciúma na semifinal do Catarinense