Chapecoense estende vínculo com o meia Foguinho até dezembro de 2023

Jogador se destacou na Copa São Paulo de Juniores no mês passado

- Publicidade -
 

Antes da Copa São Paulo de Futebol Júnior, ainda nos últimos dias de 2019, Vinicius Xavier da Purificação Moutinho disse que a competição seria uma grande vitrine. Tanto os olhos de outros clubes quanto o do departamento profissional do próprio Verdão estariam voltados para os jovens atletas que representaram o time do Oeste catarinense, em janeiro deste ano, no torneio mais tradicional do futebol de base brasileiro.

Daí, Foguinho, como Vinícius é conhecido no mundo da bola, que já havia participado da Copinha em outras duas oportunidades, enxergou uma grande oportunidade e a agarrou com unhas e dentes: encerrou a primeira fase como artilheiro, com seis gols. No retorno a Chapecó, o atleta de 19 anos foi integrado ao grupo principal e, na manhã desta quinta-feira (13), assinou um novo contrato com o clube verde-branco.

O novo vínculo do meio-campista irá até dezembro de 2023. “A Chapecoense foi um clube que me acolheu, me recebeu muito bem. Eu fico feliz de ter ido bem na Copinha e, agora, ter esse reconhecimento pelo meu trabalho e poder renovar por mais três temporadas”, disse o jogador. “O primeiro objetivo é ajudar o time a sair dessa situação difícil em que está (no Campeonato Catarinense) e, depois levá-lo de volta à Série A, de onde nunca devia ter saído”, acrescentou.

As atuações de Foguinho chamaram a atenção de clubes como Santos, Inter e Goiás, além de uma agremiação portuguesa. Apesar destes interesses, o mineiro da histórica Ouro Preto entrou em acordo com o Verdão, informação que fora antecipada pelo editor de esportes e colunista do Diário do Iguaçu, Rodrigo Goulart, em seu blog e também nas redes sociais. O vínculo anterior de Foguinho com a Chapecoense iria até agosto de 2020, portanto, ele já poderia assinar pré-contrato com outra equipe.

Além de já estar integrado ao elenco profissional e treinar diariamente sob o comando do técnico Hemerson Maria, Foguinho está inscrito no Estadual e apto a atuar na competição pela Chape.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Contra embalado Boavista, Chape defende tradição de sempre avançar na 1ª fase da Copa do Brasil
Ezequiel se considera experiente e diz que pode ajudar muito os jovens da Chapecoense
Chapecoense oficializa interesse em contratar o atacante Moisés, do Concórdia
Primeiro compromisso de Umberto Louzer vale prêmio de R$ 1,3 milhão para a Chape
Demitido, técnico Hemerson Maria agradece oportunidade de trabalhar na Chapecoense
Novo técnico da Chapecoense, Umberto Louzer tem aproveitamento superior a 50%
Umberto Louzer é o novo técnico da Chapecoense
Chapecoense anuncia saída do técnico Hemerson Maria
Concórdia goleia Tubarão e empurra Chapecoense para a lanterna do Catarinense
Hemerson Maria pede personalidade ao time da Chape e pensa em alterações. Ouça!