Chapecoense marca no último lance e empata contra o Cruzeiro

Gol de Camilo levou mais cinco minutos para ser validado pelo VAR

- Publicidade -
 

A rotina de derrotas da Chapecoense chegou ao fim. Na noite deste domingo (13), o time catarinense empatou contra o Cruzeiro por 1 a 1 na Arena Condá, em jogo válido pela 25ª do Campeonato Brasileiro. O Verdão segue na lanterna da competição, agora com 16 pontos, mas mostrou um bom jogo, trazendo esperança aos torcedores.

O time voltou a marcar um gol após cinco partidas em branco, em um confronto contra um adversário que está na zona de rebaixamento e também briga para sair da incômoda situação. Agora, o próximo jogo da Chapecoense será nesta quarta-feira (16), às 21h, contra o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo (SP).

O Cruzeiro iniciou melhor a partida e logo aos quatro minutos conseguiu abrir o placar. Após cobrança de escanteio de Thiago Neves, a defesa da Chapecoense não corta a bola, que sobra para Fred. O atacante ajeita para o meio da área e Dedé é mais rápido que a defesa e escorou para o fundo das redes do time da casa.

Após o gol sofrido, o Verdão partiu para cima do time visitante e teve ao menos quatro chances para marcar. Fábio salvou o Cruzeiro em duas boas primeiras, aos 7 e 9 minutos, nas finalizações de Roberto e Régis. Os visitantes voltaram a assustar somente aos 45, quando Éderson cruzou e David finalizou na trave.

Na segunda etapa a partida seguiu aberta, com os dois times buscando o gol, porém, os goleiros se destacaram. Primeiro foi Fábio que impediu os gols da Chapecoense aos 11 e 16 minutos, em finalizações de Régis e Bryan. Depois foi João Ricardo que fez boas defesas, aos 28 e 30, em conclusões de Thiago Neves e Fred.

Quando parecia que a Chapecoense sofreria mais uma derrota, a bola foi lançada na área do Cruzeiro, Fábio rebate o chute de Arthur Gomes e Camilo marca no rebote. Após cinco minutos de consulta ao VAR, o árbitro Caio Max Augusto Vieira considerou que Camilo não estava impedido e validou o gol: 1 a 1.

CHAPECOENSE 1x1 CRUZEIRO

Chapecoense: João Ricardo; Bryan (Renato Junior), Douglas, Rafael Pereira e Bruno Pacheco; Elicarlos, Vini Locatelli (Arthur Gomes) e Camilo; Régis (Diego Torres), Henrique Almeida e Roberto. Técnico: Marquinhos Santos.

Cruzeiro: Fábio; Edílson (Weverton), Dedé, Fabrício Bruno e Egídio; Henrique, Éderson, Marquinhos Gabriel (Pedro Rocha) e Thiago Neves; David e Fred. Técnico: Abel Braga.

Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN), auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Jean Marcio dos Santos (RN). VAR: Adriano Milczvski (PR).

Gols: Dedé (Cru), aos 4 min. do 1º tempo; Camilo (Cha), aos 50 min. do 2º tempo.

Cartões Amarelos: Rafael Pereira (Cha); Pedro Rocha (Cru).

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC). Data: 13 de outubro de 2019.

PRINCIPAIS LANCES

Primeiro tempo

GOL! 04 min – Cruzeiro: Thiago Neves cobrou escanteio, a defesa da Chape não cortou e a bola sobrou para Fred, que ajeitou para o meio. Dedé empurrou para o fundo das redes.

07 min – Chapecoense: Vini Locatelli cruzou da direita e Roberto ganhou pelo alto, obrigando Fábio a realizar boa defesa junto à trave direita, espalmando pela linha de fundo.

09 min – Chapecoense: Da entrada da área, Régis finalizou forte com a perna esquerda. A bola picou na frente de Fábio, mas o goleiro cruzeirense realizou grande defesa no canto esquerdo.

11 min – Chapecoense: Henrique Almeida recebeu pelo lado esquerdo, avançou e tentou bater cruzado. O atacante pegou mal na bola, que bate na rede pelo lado de fora do gol do Cruzeiro.

24 min – Chapecoense: Roberto avançou pelo lado esquerdo e cruzou na medida para Henrique Almeida. Sozinho, o atacante cabeceou para fora, por cima do gol de Fábio.

25 min – Cruzeiro: Thiago Neves virou a bola para o lado direito. Éderson dominou na entrada da área e soltou o chute forte, obrigando João Ricardo a fazer boa defesa, em dois tempos.

45 min – Cruzeiro: Éderson avançou pela direita e cruzou para a área. Na marca do pênalti, David pegou de primeira, a bola bateu na trave direita, percorreu a linha e saiu do outro lado.

Segundo tempo

04 min – Chapecoense: Régis cruzou de três dedos da direita, a bola fez a curva e foi na segunda trave. Roberto armou a cabeçada, porém, Edilson chegou e tirou antes.

10 min – Cruzeiro: David roubou pelo lado esquerdo, tocou para Thiago Neves no meio, que dominou e soltou a bomba. A bola saiu à esquerda do goleiro João Ricardo.

11 min – Chapecoense: Camilo desarmou Henrique e tocou a bola para Régis. O meio campista soltou um forte chute da entrada da área e obrigou Fábio a fazer uma boa defesa.

16 min – Chapecoense: Da entrada da área, Bryan bateu forte do lado direito. Fábio não encaixou e, no rebote, saiu nos pés de Henrique Almeida para salvar o Cruzeiro.

28 min – Cruzeiro: Éderson cruzou rasteiro da direita, Fred deixou a bola passar e ela chegou para Thiago Neves. O meia dominou na entrada da área e chutou para boa defesa de João Ricardo.

30 min – Cruzeiro: David cruzou da direita e encontrou Fred sozinho na pequena área. O atacante dominou no peito e finalizou, mas a bola bateu no rosto de João Ricardo, que fechou bem o espaço.

GOL! 50 min – Chapecoense: Arthur Gomes finalizou de dentro da área e Fábio deu rebote. Camilo pegou a sobra e empatou o jogo. VAR analisou o lance e validou o gol da Chape.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Em reformulação fora de campo, Chapecoense começa a anunciar novos dirigentes após renúncias
Revelação da base, Hiago é o único zagueiro da Chapecoense em condição de jogo
Chapecoense pode ser rebaixada, matematicamente, na próxima rodada do Brasileirão
Chape paga salário dos funcionários com renda do último jogo. Atletas ainda esperam
Chapecoense perde para o Grêmio e fica a um passo da Série B
Chapecoense tem a volta de Camilo para enfrentar o Grêmio na Arena Condá pelo Brasileirão
Marquinhos Santos tenta vencer a primeira partida na Arena Condá pela Chapecoense
Jogadores da Chape se reúnem para mostrar insatisfação por atrasos de pagamento
Vice de futebol da Chapecoense, Cleimar Spessatto vai renunciar após o Brasileirão
Chapecoense amplia o espaço à torcida do Grêmio para este domingo (10) na Arena Condá