Chape paga salário dos funcionários com renda do último jogo. Atletas ainda esperam

Clube aguarda liberação do dinheiro de patrocinador para fazer o pagamento

- Publicidade -
 

Com a renda de R$ 839.850,00 do jogo contra o Grêmio no último domingo (10), a diretoria da Chapecoense pagou o salário de outubro aos funcionários do clube.

Agora, a direção verde-branca espera acertar o valor em carteira dos jogadores nesta semana, mas, em crise financeira, depende da liberação do dinheiro do novo patrocinador, a criptomoeda USD Soccer.

Conforme o presidente Paulo Magro, a Chape aguarda o fim de trâmites burocráticos para utilizar a quantia de US$ 1,4 milhão (cerca de R$ 5,8 milhões).

Com este aporte, o clube também pretende quitar dois meses de direitos de imagem atrasados, além de outras contas urgentes. O atraso chega a sete meses, contando com outubro, que vence em novembro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Com desfalques e auxiliar no comando, Chape enfrenta Vasco pela última rodada do Brasileirão
Chapecoense se despede da Série A no maior templo do futebol brasileiro, o Maracanã
Chapecoense participa de ações sociais com presença de atletas
Sai Marquinhos, chega Hemerson: reformulação do time da Chape começa pelo comando
Lateral Eduardo desabafa após vitória da Chape e critica ex-presidente Maninho De Nes
Chapecoense se despede com vitória da Arena Condá na Série A do futebol brasileiro
Chape define vinda de Hemerson Maria e já trata da montagem do grupo com o técnico
Contra o CSA, Chapecoense se despede da Arena Condá na temporada de 2019
Casquinha, ex-presidente da Chapecoense e vereador de Chapecó, morre aos 68 anos
Sorteio de carro é atração de Chapecoense x CSA, um rebaixado e outro quase