Chapecoense pode ser rebaixada, matematicamente, na próxima rodada do Brasileirão

Derrota para o Ceará e vitórias de Cruzeiro e Botafogo rebaixam o Verdão

- Publicidade -
 

A 32ª rodada da Série A do futebol brasileiro terminou na noite desta segunda-feira (11) com um resultado que pode antecipar a queda da Chapecoense. A vitória do Botafogo sobre o Avaí por 2 a 0, no Rio de Janeiro, deixa o clube do Oeste catarinense no risco de ser rebaixado, matematicamente, no início da próxima semana.

O Verdão tem 22 pontos. A desvantagem para os primeiros times fora da zona de rebaixamento é de 13 (Cruzeiro) e 14 pontos (Ceará e Botafogo). O próximo jogo da Chape é contra os cearenses, pela 33ª rodada, domingo (17), às 18h, na Arena Condá. Se perder, a diferença vai para 17 e não os alcançará mais, porque faltarão 15 pontos a serem disputados.

A Raposa mineira também tem chance abrir uma vantagem inalcançável. Isso ocorre se triunfar em casa diante do lanterna Avaí – o que rebaixaria o Leão –, na próxima segunda-feira (18), às 20h, e houver derrota da equipe verde-branca. Situação igual ao dos cariocas, que precisam bater o Athletico-PR, fora, às 18h de domingo, e contar com revés do time do técnico Marquinhos Santos.

Histórico na Série A

A Chapecoense disputa a divisão de elite nacional desde 2014. Esta é a sexta participação consecutiva do Verdão no grupo dos 20 principais clubes do País. Foi 15º no primeiro ano, 14º em 2014, 11º em 2016 – poderia ter ficado em oitavo, mas não jogou a última rodada devido à tragédia na Colômbia – 8º em 2017 e 14º em 2018. A Chape e o tradicional Santos são as únicas agremiações do Brasileirão 2019 que não pertencem a capitais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Com desfalques e auxiliar no comando, Chape enfrenta Vasco pela última rodada do Brasileirão
Chapecoense se despede da Série A no maior templo do futebol brasileiro, o Maracanã
Chapecoense participa de ações sociais com presença de atletas
Sai Marquinhos, chega Hemerson: reformulação do time da Chape começa pelo comando
Lateral Eduardo desabafa após vitória da Chape e critica ex-presidente Maninho De Nes
Chapecoense se despede com vitória da Arena Condá na Série A do futebol brasileiro
Chape define vinda de Hemerson Maria e já trata da montagem do grupo com o técnico
Contra o CSA, Chapecoense se despede da Arena Condá na temporada de 2019
Casquinha, ex-presidente da Chapecoense e vereador de Chapecó, morre aos 68 anos
Sorteio de carro é atração de Chapecoense x CSA, um rebaixado e outro quase