Cinco passos para a higienização correta de frutas, verduras e legumes

Professores do curso de Nutrição da Uninter esclarecem dúvidas

- Publicidade -
 

Os cuidados com a higiene na manipulação dos alimentos são fundamentais para controlar a contaminação com micro-organismos e evitar doenças. Essas precauções devem fazer parte da rotina de todas as famílias e estabelecimentos, mas a correta higienização de frutas, legumes e verduras, por exemplo, ainda gera dúvidas.

Os professores do curso de Nutrição do Centro Universitário Internacional Uninter, Thais Regina Mezzomo e Alisson David Silva, explicam que a primeira coisa a se fazer é avaliar a forma como o alimento será servido. Frutas, verduras e legumes que serão consumidos in natura, sem sofrer tratamento térmico, devem ser sanitizados.

O procedimento de higienização compreende duas etapas: a limpeza para remoção da sujeira visível, como terra, insetos; deve ser feita sob água potável e, quando for o caso, escova com cerdas de nylon exclusivas para essa finalidade.

E a sanitização para remoção da contaminação, que deve ser feita com imersão em solução de hipoclorito de sódio por 15 minutos e depois, enxágue.

1. Lave as mãos e utilize utensílios limpos

Antes de iniciar o contato com os alimentos, lave bem as mãos e utilize utensílios limpos. É importante também evitar a contaminação cruzada: por exemplo, não utilize a tábua de carnes para cortar legumes.

2. Retire as partes danificadas dos legumes e verduras antes de realizar a higienização dos mesmos. Eventualmente, apenas uma folha pode estar estragada. Elimine-a.

3. Lave em água corrente. O objetivo de lavar os alimentos em água corrente é para retirar as sujidades aparentes, como terra, folhas e insetos. Neste momento, é possível utilizar escovas de nylon exclusivas para lavar as cascas de alimentos.

::. Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região

4. Coloque as frutas, legumes e verduras em solução de hipoclorito de sódio. Utilize uma colher de sopa (10 ml) de hipoclorito de sódio ou água sanitária na concentração de 2,0% ou 2,5% - ou duas colheres de sopa de hipoclorito na concentração de 1% - para cada litro de água. Coloque os alimentos em imersão nesta solução por quinze minutos.

5. Enxague em água corrente. Retire as frutas, os legumes e/ou as folhas da solução clorada e enxágue em água corrente. Pronto, o seu alimento está adequado para o consumo.

Thais ainda esclarece uma dúvida comum da população, a solução clorada não elimina os agrotóxicos. “Neste caso o objetivo é eliminar os micro-organismos que não são visíveis a olho nu e que podem causar sérias doenças ao nosso organismo. Contudo, alguns estudos têm demonstrado o poder do bicarbonato de sódio em solução (10g/L) com frutas e legumes por 15 minutos em reduzir o percentual de agrotóxicos nos alimentos”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Prefeitura de Blumenau cancela Oktoberfest 2020
Chris Flores comandará “Desejos de Mãe” o novo programa do SCC/SBT
Nasa e ESA divulgam imagens do Sol obtidas pela Solar Orbiter
Unochapecó lança podcast de entrevistas
Enem e vestibular: o que não fazer na hora da redação
Cinco passos para a higienização correta de frutas, verduras e legumes
Saiba o que entra na Netflix em julho
Como descobrir mentiras por trás das máscaras
Usuários relatam bug no whatsapp que deixa todo mundo “off-line”
BRF moderniza processos no campo com aplicativo para integrados