Clubes do futebol catarinense oferecem estrutura ao governo no combate ao coronavírus

Avaí, Criciúma, Figueirense e Juventus colocaram CTs à disposição

- Publicidade -
 

Atentos aos efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus, os envolvidos com o futebol catarinense procuram auxiliar a população e as autoridades.

Além de medidas próprias para evitar a proliferação da Covid-19 e a conscientização dos torcedores por meio das redes sociais, quatro clubes já disponibilizaram suas estruturas para uso das secretarias de Saúde no que for necessário. A informação foi divulgada no fim da tarde desta sexta-feira (20) no site oficial da Federação Catarinense de Futebol (FCF).

Segundo a entidade, Avaí e Figueirense, ambos de Florianópolis, Criciúma e Juventus, de Jaraguá do Sul, colocaram seus centros de treinamentos à disposição do governo. Quartos, refeitórios e lavanderias são alguns dos espaços prontos para receber as pessoas infectadas.

A Série A do Estadual e todas as competições não-profissionais promovidas pela FCF estão suspensas por tempo indeterminado. A decisão foi tomada na última segunda (16).

FONTE: Federação Catarinense de Futebol

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Melhor jogador de futsal do mundo é chapecoense: Parabéns, Ferrão!
Olimpíada e Paralimpíada do Japão já têm datas marcadas para o próximo ano
Presidente da Fesporte faz apelo para as prefeituras continuarem apoiando os atletas
Destaque do atletismo, Darlan Romani, de Concórdia, aprova adiamento da Olimpíada
Jogos olímpicos e paralímpicos de Tóquio são adiados
Dirigentes de Inter e Grêmio estão com o novo coronavírus
Atletas da ginástica rítmica de Chapecó recebem treinos por WhatsApp para manter ritmo
Clubes do futebol catarinense oferecem estrutura ao governo no combate ao coronavírus
Atletas do Oeste estão na França e na Espanha, países entre os mais afetados pela Covid-19
Concórdia tem 21 atletas com contrato até o fim de abril, quando deveria terminar o Catarinense