Concórdia perde em casa e segue na lanterna do Catarinão

Galo do Oeste foi derrotado por 2 a 0 na tarde deste domingo (9)

- Publicidade -
 

Apesar da troca do comando técnico, o Concórdia Atlético Clube voltou a ser derrotado na Série A do futebol catarinense. Neste domingo (9), pela 5ª rodada da competição, o Galo do Oeste levou 2 a 0 do Figueirense, no estádio Domingos Machado de Lima, em Concórdia. O time do Oeste catarinense segue na lanterna da competição, com apenas um ponto ganho.

Já o Figueirense foi a dez pontos e reassumiu a liderança da competição, beneficiado pelo empate em casa do Brusque diante do Tubarão, por 1 a 1. O Brusque também tem dez pontos, entretanto, perde no saldo de gols para o Alvinegro, por 3 a 2. Outra equipe que chegou a dez pontos no torneio é o Marcílio Dias, que venceu a Chapecoense, em Itajaí, pelo placar de 1 a 0.

Apesar de o novo técnico Emerson Cris ter promovido mudanças no time, com a troca de goleiro e a escalação de três zagueiros, o Concórdia não teve forças para se impor frente à equipe da Capital, que dominou o jogo e contou com as melhores situações. O zagueiro Alemão, de cabeça, abriu o placar aos 36 minutos, após cruzamento da direita de Guilherme.

Já na volta do 2º tempo, o meia Nicholas tabelou com Guilherme e, de fora da área, ampliou o placar logo aos 6 minutos. Após sofrer o segundo gol, o Concórdia foi para cima, porém, sofreu contra ataques perigosos do Figueirense, que perdeu boas chances para ampliar o placar, com Pedro Lucas – que parou em Igor – e Guilherme, Elyeser e Brunetti, que chutaram para fora.

Com o apito final, o Galo confirmou sua quarta derrota em cinco jogos, sendo a terceira de forma consecutiva. Agora, o time volta a campo no próximo domingo (16), quando enfrenta o Tubarão, às 16h, também no estádio Domingos Machado de Lima. Já o Figueirense vai a Itajaí, fazendo um confronto direto contra o Marcílio Dias. O jogo será no sábado (15), às 19h.

CONCÓRDIA 0x2 FIGUEIRENSE

Concórdia: Igor Campos; Guilherme Café (Cadu), Bruno Brum e Vinícius Araújo; Alison, Lucas Silva, Diego Felipe, Jean Lucas e Miguel (Wesley Barbosa); Léo Itaperuna e Moisés. Técnico: Emerson Cris.

Figueirense: Sidão; Lucas, Alemão, Rony e Brunetti; Paulo Ricardo (Elyeser), Carlos Gabriel (Kauê), Guilherme e Nicholas; Diego Gonçalves (Everton Santos) e Pedro Lucas. Técnico: Márcio Coelho.

Arbitragem: Rafael Traci, auxiliado por Eli Alves Sviderski e Clair Dapper.

Gols: Alemão (F), aos 36 minutos do primeiro tempo; e Nicholas (F), aos 6 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Weslley Barbosa (C); Carlos Gabriel (F).

Público: 986 torcedores. Renda: R$ 22.210,00.

Local: Estádio Domingos Machado de Lima, em Concórdia (SC). Data: 9 de fevereiro de 2020. Horário: 16h.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Técnico Emerson Cris aproveita parada do Catarinense para fazer ajustes no Concórdia
Começam os treinamentos do handebol feminino de Concórdia para os desafios da temporada
Time de Chapecó leva virada do Bluvôlei e perde mais uma na Superliga Nacional B
Vôlei feminino de Chapecó terá mudanças na equipe para buscar a primeira vitória
Liga Catarinense de Futsal define competições estaduais da temporada de 2020
Vôlei feminino de Chapecó leva 3 a 0 do Bradesco e sofre a quarta derrota na Superliga Nacional B
Concórdia recebe o Tubarão, concorrente direto na luta contra o rebaixamento
Vôlei feminino de Chapecó enfrenta o Bradesco, em São Paulo, pela Superliga Nacional B
Volante Diego Felipe, do Concórdia: "A sorte vai virar e vamos buscar essa recuperação"
Arrancada noturna é atração em Chapecó neste sábado