Consumidores gastarão em média R$ 482 no Natal em Chapecó, revela pesquisa

Levantamento foi feito pelo Sicom Pesquisas, entre os dias 14 e 23 de novembro. Preços e qualidade dos produtos são os principais atrativos para o chapecoense

- Publicidade -
 

O Natal é o período de maior movimentação econômica no comércio em geral. Para orientar os empresários em suas estratégias para o fim de ano e revelar as principais tendências de consumo nas compras de Natal, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio/SC) realizou pesquisa de intenção de compras em Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.


Em Chapecó esse levantamento teve a participação do Sindicato do Comércio, através da Divisão de Pesquisa e Estatística (Sicom Pesquisas), e ocorreu entre os dias 14 e 23 de novembro.

 

Em Chapecó, o valor previsto para ser destinado aos presentes de Natal aumentou significativamente, em relação aos dois últimos anos, e chega a R$ 482,76, enquanto no ano passado foi de R$ 392,78 e em 2017 de R$ 372,70. Já o gasto médio para o Estado indicado pela pesquisa é de R$ 493,74, também acima do ano passado, quando foi de R$ 486,80.

 

Outro dado obtido pela pesquisa mostra que os chapecoenses estão com situação financeira melhor, comparativamente com o mesmo período do ano anterior, conforme 42,1% dos entrevistados. Em relação à forma de pagamento, 72,4% dos chapecoenses optam pela quitação em dinheiro à vista. Em seguida vêm: parcelado no cartão de crédito – 15,5%; à vista no cartão de crédito – 5,7%; e parcelamento no crediário - 3%.


Roupas são as opções preferidas para presentear 

Conforme a pesquisa, em Chapecó 57,6% dos consumidores apresentam preferência em presentear com vestuário e 12,8% optam pelos brinquedos. Quanto ao local onde as compras serão realizadas, 69,4% realizarão no comércio de rua, seguindo-se as opções por shopping e internet.

 

Além de movimentar o comércio tradicional, o Natal também apresenta impactos para o setor de serviços. É grande o número de famílias que aproveitam o dia para realizar alguma programação especial. Em Chapecó, 12,1% dos entrevistados irá realizar alguma viagem, seja nos dois feriados ou em apenas um deles. Contudo, também é grande o percentual de pessoas que não irá viajar (69,4%), ou seja, provavelmente irá aproveitar a data para ficar em casa.

 

Preço, qualidade do produto e atendimento

Ainda conforme o levantamento, os consumidores chapecoenses estão de olho nas ações do comércio. Diante disso, 48% dos entrevistados em Chapecó indicaram que valorizam o preço, preferência que é seguida pela qualidade do produto (31%) e pelo atendimento (12%).

 

Décimo terceiro

A pesquisa também teve como objetivo verificar algumas situações complementares, que são características desta época do ano e que influenciam o comércio no período do Natal. Assim, buscou-se compreender se os consumidores terão o décimo terceiro em dezembro e qual a destinação deste acréscimo no salário. Em Chapecó, 55,2% informaram que recebem décimo terceiro e que, destes, a prioridade será o pagamento de dívidas (28,7%).


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Aurora Alimentos é a marca que mais conquistou consumidores neste ano
BNDES contrata R$ 3,3 bilhões em créditos para empresas
Sebrae abre inscrições para o Empretec Summit Brasil 2020
Brasil tem 12,2 milhões de pessoas sem trabalho, segundo IBGE
Correios apresentam proposta de acordo coletivo de trabalho
Dez dúvidas do brasileiro na hora de solicitar um empréstimo
Oeste recebe nove cursos gratuitos do Senar em agosto
Shopping de Chapecó altera horário de funcionamento
Uma em cada cinco empresas de Santa Catarina planeja investir durante a pandemia
Liquida São Lourenço: 70 lojas oferecerão descontos que podem chegar a 70%