Contagem regressiva para o retorno de Moisés Ribeiro, volante da Chape, aos gramados

Jogador cumpre as últimas semanas de suspensão por doping

- Publicidade -
 

A temporada de 2020 já é especial para um jogador da Chapecoense. Moisés Ribeiro está liberado para voltar aos gramados no dia 7 de fevereiro. O volante cumpre suspensão por doping, aplicada pelo tribunal disciplinar da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). O jogador participa normalmente da pré-temporada do Verdão.

Moisés Ribeiro, 28 anos, não joga desde 14 de fevereiro de 2018. Naquela data, o clube do Oeste catarinense ficou no 0 a 0 com o Figueirense, em casa, pela primeira fase do campeonato estadual. Dias antes, em 7 de fevereiro, a equipe verde-branca perdeu para o Nacional, do Uruguai, por 1 a 0, pela etapa preliminar da Copa Libertadores da América, também em Chapecó.

Foi no duelo internacional que o meio-campista realizou exame antidoping. O teste de urina apresentou uma substância proibida – até hoje não divulgada –, e o atleta foi suspenso por dois anos. O departamento jurídico entrou com recurso na Conmebol, mas sem sucesso. Por norma da entidade, ele sequer pôde treinar com os companheiros até o fim de 2019. Neste período, fez atividades fora do ambiente da agremiação.

Contando os dias para atuar, Moisés Ribeiro treina normalmente. “Ele tem alguns déficits musculares e de questão de mobilidade, o que é inerente à profissão, como outros atletas também. O período de inatividade dele é muito grande. Ele está inserido ao grupo, com algumas particularidades, cuidados em relação ao cansaço que ele tem nos treinos, com programa individual”, disse o preparador físico Alexandre Souza.

“O Moisés, gradativamente, vai conseguir pegar a resistência específica do trabalho.Acredito que ele vai estar à disposição do Hemerson Maria (técnico). Tem trabalhado, sentido mais que outros atletas nestes primeiros dias, mas nada muito diferente do normal. É um atleta com condição muito boa, excelente profissional, e tem tudo para ajudar a Chapecoense neste ano”, acrescentou o preparador.

Quando pode voltar a jogar

O retorno de Moisés aos jogos só pode acontecer a partir da quinta rodada do Catarinense, inicialmente marcada para 9 de fevereiro, quando a Chape visita o Marcílio Dias, em Itajaí. Dias depois, em 13 de fevereiro, às 21h30, a equipe verde-branca estreia na Copa do Brasil diante do Boavista, em Saquarema (RJ). O primeiro compromisso no ano será em 22 deste mês, contra o Avaí, às 21h30, na Arena Condá, pelo Estadual.

5ª temporada no clube

Desde janeiro de 2016 no Verdão, Moisés Ribeiro estava lesionado quando a tragédia aérea na Colômbia, em novembro daquele ano, tirou a vida de 71 pessoas, entre atletas, dirigentes e funcionários do clube, além de jornalistas, convidados e tripulantes. Ele, que se destacou na Chape em 2017, recuperava-se de uma cirurgia no joelho e não foi relacionado. O contrato do profissional vai até dezembro de 2020.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Chape fecha semana com testes no time, Foguinho em coletivo e Kadú aprovado em exames
Sem Joílson, técnico Hemerson Maria muda zaga em treinamento da Chapecoense
Loja oficial da Chapecoense funciona em novo endereço
Chape aguarda resposta do Tigres por Alan Santos e acerta ida de Lucas Mineiro ao Japão
Hemerson Maria dá sinais de definição no time da Chapecoense para a estreia
Contagem regressiva para o retorno de Moisés Ribeiro, volante da Chape, aos gramados
Hemerson Maria faz novos testes no meio-campo e no ataque da Chapecoense
Novo lateral da Chapecoense, Matheus Ribeiro garante: "Sempre fui um torcedor"
Chapecoense é goleada pelo Grêmio e está fora da Copa São Paulo de Futebol Júnior
Sub-20 da Chapecoense enfrenta o Grêmio em disputa de vaga às oitavas da Copa São Paulo