Diretor da Chapecoense confirma acerto com Camilo. Meia se apresenta nesta semana

Jogador defendeu o Verdão em 2014 e 2015 e estava no Inter

- Publicidade -
 

Ele está voltando. A Chapecoense confirmou o acerto com o meia Camilo. Clube e jogador estão alinhados, faltando apenas a liberação por parte do Internacional. A rescisão contratual deve ocorrer ainda nesta terça-feira (28). O atleta de 33 anos chega a Chapecó nesta semana.

O acordo com Camilo foi confirmado pelo diretor de futebol da Chape, Newton Drummond, ao Diário do Iguaçu. “Chapecoense e Camilo estão ajustados, faltam detalhes. Ele está no Inter rescindindo. O Inter também aceitou”, disse o dirigente, que trabalhou 11 anos como executivo do clube gaúcho e está desde dezembro do ano passado no Verdão.

O contrato de Camilo com o Internacional termina no dia 30 julho, mas a agremiação colorada não deseja mantê-lo e aceita liberá-lo de forma antecipada. O agente do atleta, Francis Leonardo, chegou na tarde desta segunda (27) a Porto Alegre (RS) para encaminhar a liberação. A chegada do meio-campista na Arena Condá está prevista para esta quarta (29).

Outros clubes também negociaram com Camilo neste semestre, entre eles o Bahia. Ele ficou muito perto de assinar com os baianos, mas as tratativas emperraram. O Fortaleza também demonstrou interesse. No fim, a Chape, que há um bom tempo tentava o retorno do “Cabeleira”, levou a melhor. Era o único time que negociava com o armador nos últimos dias.

Camilo vestiu a camisa verde-branca em 2014 e 2015. Foi um dos destaques da Chapecoense nestas temporadas. Ele fez 66 jogos e marcou nove gols. Recebeu uma proposta tentadora do Al-Shabab e se transferiu para a Arábia Saudita no início de 2016. Retornou ao Brasil no meio do ano. O Verdão negociou, mas Camilo acertou com o Botafogo.

O meio-campista realizou um sonho do seu pai ao defender a equipe carioca. Ficou lá por um ano e chegou a ser convocado para o amistoso da seleção brasileira com a Colômbia, em janeiro de 2017, no Maracanã, em benefício das famílias das vítimas da tragédia aérea da Chape em novembro de 2016. Depois, foi para o Inter, onde não se firmou como titular.

O nome de Camilo era sempre lembrado na Chapecoense, mas a questão financeira inviabilizava a volta. Agora, as conversas se alinharam. Ele deve assinar com o Verdão até dezembro de 2020.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Avaliações físicas marcam volta dos atletas da Chape ao CT
Dois dos 260 testes para covid-19 na Chape deram positivo. Clube volta a treinar quarta (27)
Preparador físico da Chape diz que é necessário um mês de treinos antes da volta dos jogos
Experiente zagueiro Kadu demonstra otimismo na Chapecoense
Chapecoense testa jogadores para covid-19. Resultados devem sair até o fim de semana
Chape anuncia rescisão de contrato com Renato. Jogador deve voltar ao Avaí
Chapecoense projeta retomada dos treinos presenciais para a próxima segunda-feira (25)
Chape oficializa chegada de Denner e empréstimo de atletas do sub-17 ao Athletico-PR
Quero fazer história nesse clube que me acolheu, diz jovem Guedes, revelação da Chape
Foguinho sobre parceira com a Rogon: Meu foco é na Chapecoense