Empresa BRF de Concórdia testará mais de 4,5 mil trabalhadores

Ação poderá refletir diretamente no número de casos positivados no município. Expectativa é de que números se elevem até o fim de semana

- Publicidade -
 

Por causa do alto índice de testagem de pacientes e pessoas sintomáticas ao Covid-19, Concórdia tem apresentado um número considerável de positivados. O número pode até ser expressivo (419), mas é preciso levar em consideração também as estatísticas dos casos recuperados (295) e assim, se ater basicamente no número de casos ativos (117), que são estes que podem representar alguma demanda em torno do sistema de saúde.

A Prefeitura de Concórdia tem informações de que a demanda no Hospital São Francisco está administrável e isso deve seguir para os próximos dias. Porém alerta que o número de positivados pode ficar ainda maior, já que a empresa BRF confirmou que iniciará a testagem em seus trabalhadores, nesta semana.

Como serão mais de 4,5 mil pessoas a passarem pelos testes, a tendência é que o número de positivados possa aumentar, diante das estatísticas e incrementos diários das últimas semanas, que tem uma média aproximada de 15 positivos a mais a cada dia.

A Prefeitura afirma que os números não devem ser tratados como motivo de pânico e insegurança, já que boa parte dos trabalhadores que serão testados não têm qualquer sintoma. A medida visa apenas uma segurança maior por parte da agroindústria na preservação da saúde dos seus colaboradores e no planejamento da manutenção das atividades.


DEIXE SEU COMENTÁRIO

778 mil catarinenses já entregaram a declaração do Imposto de Renda
Coronavírus e ataques cibernéticos: não deixe seu computador ser infectado
Otimismo, sempre! Fazer as coisas bem-feitas, diz presidente da Cooperalfa
Mais de 757 mil catarinenses já entregaram a declaração do Imposto de Renda
BRDE repactua contratos e beneficia empresas catarinenses
São Lourenço do Oeste tem banco de currículos
Oficinas online e gratuitas do Sebrae orientam futuros empreendedores
Como liderar em meio à crise: dicas para a gestão remota
Vendas online está entre temas mais procurados por MEIs durante a pandemia
Mercado de GNV sinaliza retomada econômica no estado