Governo do Estado envia proposta do Orçamento 2020 para Alesc

Mais de R$ 800 milhões correspondem a gastos sem cobertura pelas receitas orçamentárias

- Publicidade -
 
O Governo do Estado encaminhou para a Assembleia Legislativa do Estado (Alesc) o projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2020. O documento, elaborado sob a coordenação da Secretaria da Fazenda (SEF), detalha todas as receitas e as despesas do Estado para o exercício financeiro do próximo ano. As receitas orçamentárias estimadas somam R$ 28,9 bilhões.

Já as despesas foram fixadas em R$ 29,7 bilhões, das quais R$ 804.239.754 correspondem a gastos sem cobertura pelas receitas orçamentárias. A Previdência Social será a maior despesa do Governo do Estado em 2020, totalizando R$ 5,97 bilhões. Na sequência, Educação (R$ 4,53 bilhões), repasse aos Poderes (R$ 3,85 bilhões), Saúde (R$ 3,75 bilhões) e Segurança Pública (R$ 2,84 bilhões), respeitando as vinculações constitucionais e legais.


“A previsão orçamentária para o ano que vem foi desenvolvida utilizando uma nova metodologia, que prima pela realidade orçamentária do caixa do Estado. Estamos entregando os números das receitas e despesas do Estado com transparência e responsabilidade”, afirma a secretária adjunta da SEF, Michele Roncalio.

Além do Executivo, a LOA inclui a previsão de repasse de recursos para o Poder Judiciário (R$ 1,8 bilhão), Poder Legislativo (Alesc e Tribunal de Contas do Estado – R$ 889,9 milhões), Ministério Público (R$ 740 milhões) e Universidade do Estado de Santa Catarina – Udesc (R$ 496 milhões). Já os repasses aos municípios somam R$ 7,13 bilhões.


A LOA 2020 pautou-se na limitação de gastos com custeio à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e à racionalização da estrutura administrativa, como a redução de 31 Unidades Orçamentárias promovidas pela reforma administrativa do Governo do Estado em 2019.

O Orçamento é elaborado pelos três poderes (Executivo, Judiciário e Legislativo) e consolidado pelo Executivo. A LOA é apreciada pelo Poder Legislativo, que pode alterá-la por meio de emendas. A votação da LOA deve ser feita até o último dia parlamentar do exercício do ano anterior a sua execução, neste caso 20 de dezembro de 2019.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Bancada do Oeste elege novo coordenador e define prioridades para 2020
Casan e Consórcio Iberê renovam convênio para proteção da Mata Ciliar
PSL catarinense notifica quatro deputados sobre processo de expulsão
Entenda como vai funcionar a escola cívico-militar de Chapecó
Reunião debate transporte e destino de resíduos sólidos em Chapecó
Experiência do programa Lixo Zero é apresentada em Lages
PSD catarinense reúne prefeitos em Florianópolis
Projetos alteram pontos do Código Ambiental em Santa Catarina
Moção da Acamosc pede recuperação completa da BR-282
OPINIÃO: Reforma da Previdência em Santa Catarina