Governo do Estado libera R$ 8 milhões para obras na região do Alto Uruguai

A Casan receberá R$ 4 milhões para realizar três importantes obras em Concórdia

- Publicidade -
 

Em sua primeira visita oficial à cidade de Concórdia, nesta sexta-feira (6), o governador Carlos Moisés (PSL) anunciou a liberação de R$ 8 milhões para a região do Alto Uruguai, no Oeste catarinense. Os investimentos são para melhorar a distribuição de água tratada, para a manutenção das rodovias por meio do Programa Recuperar, além de entrega de nove máquinas agrícolas e de um kit de transposição pela Defesa Civil.

A Casan fará o maior investimento: R$ 4,09 milhões para três obras em Concórdia. Serão construídas uma nova estação de recalque de água tratada, uma subestação de energia para atender essa estrutura e uma nova adutora entre a estação de recalque e o Morro do Merlo, que servirá como reservatório para a parte oeste da cidade. As intervenções beneficiarão aproximadamente 18 mil moradores, divididos entre 10 bairros e 10 grandes loteamentos.

::: Participe do nosso grupo de WhatsApp :::

“Nós temos um Governo presente em todo o estado. Essa demanda da Casan era antiga, um pleito histórico de falta de água. Tivemos mais de 780 comunicações de falta de água em março deste ano e agora estamos com 87. Esse investimento com a nova adutora vai trazer mais equilíbrio para o sistema. Sem água e sem energia elétrica, nós não conseguimos promover o desenvolvimento dessa região”, declarou o governador.

A diretora-presidente da Casan, Roberta Maas dos Anjos, destacou que essas três obras reafirmam o compromisso assumido no início do ano de resolver os problemas de abastecimento da cidade. “O gerenciamento do Sistema de Concórdia é complexo, mas com investimentos e o esforço de uma força-tarefa criada com esse objetivo nunca tivemos dúvidas de que ia ser possível. E está sendo”, complementou.

Programa Recuperar

Em relação ao Programa Recuperar, foi liberada a primeira parcela para o Consórcio Lambari, que representa a Associação dos Municípios do Alto Uruguai Catarinense (Amauc). O valor é de R$ 2,74 milhões, que ajudarão na manutenção emergencial de 337 quilômetros de estradas. Segundo Moisés, o modelo de parceria entre o Governo do Estado e os consórcios têm se mostrado exitoso, com licitações mais baratas e um serviço de melhor qualidade.

“As intervenções no asfalto precisam ser de boa qualidade. Por isso, fizemos apelo aos prefeitos para que venham aderir ao Projeto Recuperar para fazer essas intervenções por meio dos consórcios com o repasse de dinheiro do Governo do Estado. Os consórcios compram melhor. O Cincatarina, em sua primeira licitação, economizou R$ 30 milhões. É o que a gente imagina que vai ser reproduzido aqui”.

::: Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região :::

O chefe da Casa Civil, Douglas Borba, esclareceu que o Governo de Santa Catarina não está passando a competência das rodovias estaduais para os municípios. “O Estado segue com suas responsabilidades jurídicas sobre as estradas. Essa parceria vem para fortalecer o poder de decisão dos municípios”, frisou.

Entrega de máquinas agrícolas

Nove municípios do Alto Uruguai receberam novas máquinas agrícolas. O investimento é R$ 1,16 milhão por meio de emendas impositivas do deputado estadual Moacir Sopelsa (MDB). Foram contempladas as cidades de Arvoredo, Concórdia, Ipumirim, Irani, Itá, Jaborá, Lindoia do Sul, Presidente Castelo Branco e Vargem Bonita.

Na ocasião, Sopelsa agradeceu ao empenho do governador em pagar as emendas e destacou que as máquinas ajudarão no desenvolvimento rural da região. O último ato foi a entrega de um kit de transposição para o município de Peritiba. A estrutura de concreto tem 12 metros de comprimento e cinco de largura e será instalada na localidade de Arroio do Meio. O investimento foi de R$ 78 mil.

Compromissos na região

Esse foi o segundo compromisso do governador Carlos Moisés na região. Na tarde de quinta-feira (5), Carlos Moisés e o secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Ricardo de Gouvêa, anunciaram, em Chapecó, 192 novos equipamentos agrícolas para 89 municípios catarinenses. O maquinário foi adquirido com recursos do Governo Federal, destinados por emendas parlamentares de deputados federais e senadores catarinenses.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Prefeito busca apoio para agenda em Brasília sobre a BR-163
PSC de Chapecó confia na via alternativa para a eleição municipal
Ministério Público passa a monitorar contratação de segundo professor para 2020
Plano de Mobilidade Urbana segue em implementação em Chapecó
Partido NOVO não participará da eleição em Chapecó
Nova regra sobre taxas cobradas nos cartórios em SC entra em vigor em março
Lideranças costuram nova via para a eleição em Chapecó
Prefeito de Concórdia é o novo vice-presidente estadual do PSDB
Governador sanciona leis sobre benefícios fiscais em SC
Comissão Especial se reúne para avaliar Código de Posturas de Chapecó