Homem é furtado e encontra objetos a venda nas redes sociais em Chapecó

Caso foi registrado nesta quinta-feira (2). Guarda Municipal recuperou os bens

- Publicidade -
 

O dono de um estabelecimento que foi furtado na noite de quarta-feira (1º) encontrou seus bens sendo vendidos no na internet na quinta-feira (2). Os materiais foram recuperados pela Guarda Municipal por volta das 14h no loteamento Vitório Rosa, por volta das 14h.

Durante a tarde de quinta-feira (3), a Guarda Municipal e a Policia Militar foram acionadas por um homem, que relatou que foi vítima de furto em seu estabelecimento comercial durante a noite e teria localizado os objetos anunciados para comercialização em redes sociais.

As equipes foram até o local, onde identificaram que um homem e uma mulher estariam com uma mini motocicleta Pro Tork/TR100, que foi um dos produtos de furto na noite anterior. Em entrevista o casal confirmou a autoria do furto e o envolvimento de um terceiro autor, que estaria com outros objetos.

Ao realizar buscas na residência, foram localizados ainda 102 folhas de cheques e uma furadeira. Na residência do terceiro envolvido foi localizada mais uma bateria de moto, porém o denunciado não foi localizado.

Diante dos fatos o casal e os objetos apreendidos foram deslocados e apresentados na Central de Plantão Policial (CPP), onde a vítima do furto comprovou a propriedade dos objetos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Kits de Alimentação serão entregues a partir desta quinta-feira pela Secretaria da Educação
Delegada perde cargo após se negar lavrar prisão em flagrante de traficante
Acidente na rodovia SC-163 deixa trânsito lento em Itapiranga
São Lourenço do Oeste investe em iluminação em Led
Chapecó autoriza retorno de transporte interestadual de passageiros
Linha Colônia Cella ganhará nova Unidade de Saúde
MEC autoriza aulas a distância em escolas técnicas federais de ensino
Veículo pega fogo no centro de São Miguel do Oeste
Bombeiros apostam em lives para dar dicas e orientações sobre ações preventivas
MPSC recomenda que Concórdia suspenda o transporte coletivo municipal, proibido pelo Estado para prevenir a covid-19