Leilão de gado ocorre em São Lourenço do Oeste em março

Evento está marcado para começar às 14h do dia 29 de março

- Publicidade -
 

Mais uma edição do leilão do gado geral ocorre no Parque de Exposições de São Lourenço do Oeste no dia 29 de março. O evento é promovido pelo Sindicato dos Produtores Rurais em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura e recebe o apoio do Senar/Faesc. O evento inicia às 14h, mas o público interessado pode fazer a visitação, para conhecer os lotes, já na parte da manhã. 

Segundo o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, Nelso Moresco, a organização leva em conta o momento que a pecuária de corte atravessa e também a vontade dos pecuaristas. “Em fevereiro houve uma reunião onde o grupo de associados da sociedade rural foi unânime pela reedição do leilão de gado geral. Na oportunidade em torno de 30 empresários do setor participaram do encontro.”, disse.

Como em edições passadas, a feira deve reunir bezerros, novilhas, garotes e reprodutores. Serão em torno de 400 animais das raças britânicas e europeias. Entre elas, destaque para PO Devon, Charolês, Limousin, Red Angus, Braford, Hereford, Nelore, Brahman e cruzamentos industriais. Na parte dos reprodutores, são animais com teste andrológico e sanitário. 

De acordo com o presidente da Sociedade Rural, Fabrício D´Agostini, o evento vai reunir animais para os mais variados sistemas. “É a oportunidade para que os pecuaristas tragam seus animais para comercializar, expor e divulgar a cabanha. Essa participação engrandece o evento”, defendeu.

A ideia é retomar a rotina de leilões no parque de exposições e tornar a região o celeiro do gado de corte. “A diretoria e as entidades parceiras estão engajadas para fazer um evento à altura do pecuarista”, frisou.

Embora seja um evento dedicado apenas a expositores do Estado de Santa Catarina, o leilão deve reunir pecuaristas de toda a região. Entre as cidades, destaque para Campo Erê, Chapecó, Quilombo, Abelardo Luz, São Domingos e Novo Horizonte. Interessados em trazer gado para evento podem entrar em contato com a secretária da Sociedade Rural, Isolete de Souza, por meio do telefone (49) 99965-0043. 

Como o evento é aberto para toda a sociedade, D´Agostini acredita que seja uma maneira da população se aproximar, conhecer a estrutura do parque e sobre a pecuária da região. “O evento só acontece se houver expositores, compradores e visitantes. Por isso, queremos deixar o convite a todos para que participem e prestigiem”, finalizou. 

Qualidade

Para manter a qualidade e uniformidade dos lotes, a sociedade vai disponibilizar técnicos aos pecuaristas. A intenção é orientar e assessorar de forma que haja uniformidade de pelagem, peso e tamanho dos animais. “Além de profissionalizar o evento, também vamos otimizar a venda com isso”, avalia D´Agostini, que também é médico veterinário. 

Outros negócios

Além do leilão de gado, pecuarista também poderão fazer outros negócios. No dia haverá a parceria e presença da Tortuga, MCassab, AgroLavoura – com portfólio da Matsuda –, Agrosafra, Agroveterinária Assis Colpo e Barracões e Pré-moldados Bressan. Segundo a organização, a ideia é criar um ambiente de negócios favorável e atrativo ao pecuarista.  


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Preço do gás de cozinha terá redução de 10%
Bancos prorrogam pagamentos de dívidas por 60 dias
Cenoura e ovos têm maior aumento no cesto básico em Chapecó
Feirão da Serasa renegocia dívidas com desconto de até 98%
Leilão de gado ocorre em São Lourenço do Oeste em março
Rally da Safra faz radiografia da produção de soja no país
Startup Summit 2020 anuncia 50 palestrantes e arena de podcasts
Confiança do consumidor cai novamente em Chapecó
Chapecó tem mais de 270 vagas de emprego disponíveis
Cooperalfa inaugura loja agropecuária em Xanxerê