Macarronada beneficente do Davi arrecada R$ 5 mil em Chapecó

Dinheiro será aplicado no tratamento do menino que nasceu com uma malformação congênita da coluna vertebral e precisa de uma série de necessidades especiais

- Publicidade -
 

Nadia Michaltchuk
nadia@diariodoiguacu.com.br 

Correria, trabalho duro e o medo de não conseguir arrecadar todos os ingredientes necessários para o Jantar Beneficente do Davi foram enfrentados pele mãe Elenice da Rosa nos últimos dias. No final, a macarronada em prol de Davi Gabriel de Oliveira, de 4 anos, foi um sucesso.

>> Últimas notícias <<

Os leitores do Diário do Iguaçu se sensibilizaram com as matérias divulgadas no jornal e a família conseguiu arrecadar todos os ingredientes necessários para que o jantar ocorresse. A macarronada aconteceu no dia 26 de outubro, no Salão Alto Alegre do bairro São Pedro, a partir das 19h.

Os ingressos custaram R$ 20 e cerca de 200 pessoas prestigiaram o evento. Entre os valores do jantar e doações adicionais foram arrecadados em torno de R$ 5 mil, que serão usados na realização de exames e tratamentos. De acordo com a mãe, apenas um dos exames necessários custa R$ 780. “Ele está com muita dificuldade para respirar. Nós conseguimos uma médica gratuita, mas teremos que pagar os exames”, conta.

Além disso, somente em leite e fraldas a família tem o gasto fixo de R$ 1 mil por mês. Com o dinheiro arrecadado, a família poderá pagar os exames de Davi e custear o tratamento por cerca de quatro meses.  
Elenice agradece a todos que participaram do evento. “Eu estou com o meu coração leve pois agora sei que vou conseguir pagar os exames do meus filho. Que Deus ilumine a vida de cada um que participou do jantar ou ajudou de alguma forma”, destaca. 

Relembre a história de Davi 

O pequeno Davi Gabriel de Oliveira, de 4 anos, mora no bairro São Pedro, em Chapecó. Ele nasceu com mielomeningocele, também conhecida como espinha bífida aberta. A patologia é uma malformação congênita da coluna vertebral da criança em que as meninges, a medula e as raízes nervosas estão expostas. Para lutar contra sua condição, ele já passou por oiro cirurgias. 

Diferente de outras crianças da sua idade, Davi tem dificuldade na fala e não anda. Seu tamanho é semelhante ao de uma criança de menos de dois anos. Há mais de um ano seu peso e altura são 12 quilos e 86,5cm. A malformação exige uma série de necessidades especiais. Para urinar, ele utiliza uma sonda, que precisa ser trocada a cada três horas. A alimentação inclui quatro latas de leite Nan por mês.

Por ser alérgico a outras marcas, ele também utiliza 300 fraldas Pampers, no tamanho M ou G mensalmente. No dia a dia, Davi frequenta hospitais e depende de diversos medicamentos, alguns deles não são disponibilizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).  

Ajude o Davi 

Quem deseja ajudar o Davi a ter uma melhor condição de vida pode doar fraldas, leite, realizar um depósito ou participar da vaquinha online. Mais informações com Elenice por meio do telefone (49) 99957-1961.  

Caixa Econômica Federal
Titular: Elenice da Rosa 
Agencia: 0414
Tipo de Conta: 013
Conta Poupança: 00175976-3

Vaquinha online


DEIXE SEU COMENTÁRIO

Unochapecó lança podcast de entrevistas
Enem e vestibular: o que não fazer na hora da redação
Cinco passos para a higienização correta de frutas, verduras e legumes
Saiba o que entra na Netflix em julho
Como descobrir mentiras por trás das máscaras
Usuários relatam bug no whatsapp que deixa todo mundo “off-line”
BRF moderniza processos no campo com aplicativo para integrados
6 Brincadeiras pedagógicas para entreter as crianças em casa
6 aplicativos para te ajudar com as finanças pessoais em tempos de crise