Marcilei protocola projeto para redução do Duodécimo

Vereadora diz que os recursos devolvidos pela Câmara à prefeitura de Chapecó podem ser usados em áreas de interesse social

- Publicidade -
 

O Projeto de Emenda à Lei Orgânica Municipal 89/2019, de autoria da vereadora Marcilei Vignatti (PT), que propõe redução do Duodécimo de 6% para 4% para Câmara de Vereadores de Chapecó, entrou em tramitação no Legislativo Municipal nesta quinta-feira (23).

Marcilei considera o fato que os recursos utilizados pela Câmara não atingem a previsão do repasse duodecimal para cada ano. “Dessa forma, os recursos que hoje já são devolvidos ao Executivo poderão ser aplicados em outras áreas de interesse social e de desenvolvimento”.

Últimas notícias

O Duodécimo é o repasse do Executivo para manutenção do Legislativo. No ano passado, a Câmara Municipal estimou as despesas em R$ 15,2 milhões, sendo que deste valor utilizou R$ 11,4 milhões, ou seja, empregou R$ 3,8 milhões a menos do que a previsão de repasse.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Governo de Santa Catarina: Uma crise que não tem fim
Bolsonaro sobrevoa áreas atingidas por ciclone em Santa Catarina neste sábado (4)
Secretário nacional de Defesa Civil garante apoio a SC para minimizar danos do ciclone
Câmara Municipal de Chapecó encerra semestre com 750 proposições aprovadas
Bolsonaro vai sobrevoar região atingida por ciclone em Santa Catarina
Bancada federal se reúne com prefeitos para avaliar ações de apoio aos municípios atingidos pelo ciclone
Santa Catarina decreta calamidade pública por danos causados por ciclone
Ex-controladora adjunta afirma à CPI que Secretaria de Saúde recusou apoio da CGE
O que muda na eleição de 2020 com o novo calendário aprovado pelo Congresso Nacional
Câmara aprova PEC que adia eleições municipais para novembro