Ministério Público em Itá acompanha as ações no combate ao novo coronavírus

Visitas às instituições de acolhimento foram suspensas

- Publicidade -
 

O Ministério Púbico de Santa Catarina (MPSC), na comarca de Itá, acompanha as ações no combate ao novo coronavírus. Foi recomendado aos municípios que cumpram as medidas determinadas para o período de quarentena.

A promotora de Justiça Aline Boschi Moreira explica que foi instaurado procedimento para monitorar diversos setores da sociedade durante a pandemia de Covid-19. “Expedimos recomendações às prefeituras para que acatem as determinações dos decretos estaduais integralmente. Suspendemos também as visitas às instituições de acolhimentos e expedimos recomendações de instruções de cuidado durante a quarentena”, afirmou.

Aline destaca que os atendimentos para os cidadãos são feitos por telefone, e-mail ou ouvidoria do MPSC. “O Ministério Público não para. Criamos um grupo de enfrentamento de crise”, disse. “Estamos em contato direto com a Polícia Militar para coibir crimes e fiscalizar as determinações dos decretos”, acrescentou. A comarca de Itá abrange também a cidade de Paial.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Sobe para 379 números de casos confirmados de covid-19 em SC
Número de mortes no Brasil por conta do novo coronavírus se aproxima de 500
Governo anuncia quem pode voltar a trabalhar a partir desta segunda-feira (6)
Sexto caso do novo coronavírus é confirmado em Chapecó
Governo federal investe R$ 1 bilhão em respiradores no combate da covid-19
Brasil ultrapassa marca de 10 mil casos de covid-19
Santa Catarina registra 10 mortes pelo novo coronavírus desde o início da pandemia
Hospitais filantrópicos de Santa Catarina receberão R$ 276,2 milhões do governo estadual
Mais de nove mil casos de coronavírus e 359 mortes no Brasil
Chega a 301 o número de casos confirmados do novo coronavírus em Santa Catarina