Ordem de Serviço dá início à Praça da Família em Chapecó

Expectativa é entregar a obra para a comunidade até o final deste ano

- Publicidade -
 

O prefeito de Chapecó, Luciano Buligon (DEM), entregou no sábado (11) a ordem de serviço para a construção da Praça da Família, no bairro São Pedro, em ato que contou com presença de moradores, lideranças comunitárias e autoridades municipais. A estrutura será um espaço de serviços públicos, no estilo “poupa tempo”, com diversos equipamentos para agilizar o atendimento ao cidadão, área de lazer, como quadras esportivas e praças de convivência.

As obras serão executadas pela Construtora Oliveira Ltda., vencedora em processo licitatório, com valor de R$ 3.152.251,50. A expectativa é entregar a Praça da Família para a comunidade até o final deste ano. Essa é uma obra do Programa Mãos à Obra, instituído pela Prefeitura de Chapecó no ano passado. O local trata-se de um compromisso assumido por Buligon a partir do Programa Ouvindo Nosso Bairro, sendo a obra a principal elencada pela comunidade.

::: Participe do nosso grupo de WhatsApp :::

Na ocasião, o prefeito recebeu dezenas de sugestões de melhorias, obras e serviços. No bairro São Pedro, uma moradora, Tânia Fagundes Correia, sugeriu ao prefeito que transformasse a área de 12.308.077 metros quadrados, ocupada pela garagem de máquinas da administração municipal, em um espaço nobre e humanizado para atender toda a região Leste da cidade. Na época, essa foi indicada como prioridade número um pelos moradores que participaram.

Buligon destaca que a “Praça da Família disponibilizará serviços para emissão de documentos, equipamentos e quadra esportiva, além de área de convivência. Uma obra que chega para fazer a diferença na vida dos moradores e promover uma verdadeira transformação social em uma das regiões mais vulneráveis de Chapecó. A comunidade da região Leste começa a ver se tornar realidade um sonho, uma prioridade, assumida como compromisso pela prefeitura”.

::: Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região :::

Ainda, a administração municipal tenta viabilizar uma cooperativa de crédito ou instituição financeira no local. Buligon ressalta que além da obra, outras medidas serão realizadas no entorno, como o asfaltamento das vias públicas, e a abertura da galeria da sanga que passa ao lado do local, para que a nova Praça da Família seja uma área verde, assim como o Ecoparque. “Essas são ações inclusivas, de cidadania, dando mais dignidade àquelas pessoas”, completou.

Para possibilitar a construção, a Prefeitura de Chapecó construiu um novo pavilhão para abrigar os equipamentos da antiga garagem, agora desativada. A nova estrutura fica nos altos da rua Sete de Setembro, já ocupada pela Secretaria de Infraestrutura, em frente à Unidade de Pronto Atendimento  no bairro Presidente Médici. Concluído, o novo pavilhão foi licitado em 2018, no valor de R$ 1.445.001,15. “É um momento muito especial para Chapecó”, finalizou.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Kelen Giongo assume prefeitura de São Carlos
Daniela Reinehr expõe situação de rodovias do Oeste ao Ministério da Infraestrutura e solicita investimentos
“Precisamos aproximar a UFFS e o segmento produtivo”, diz Recktenvald
Governadora em exercício tem audiência com presidente da República em Brasília
Reunião na Secretaria da Infraestrutura avalia situação da SC-305
Fecam repassa orientações aos prefeitos sobre o encerramento de mandatos
Documentos finais da regularização da linha Baronesa da Limeira são entregues ao Incra
Faesc se manifesta contra a tentativa de tributação do agronegócio
Entenda o pedido de impeachment do governador e da vice de Santa Catarina
Projeto do novo contorno viário avança em Chapecó