Polícia conclui inquérito sobre falsificação de exame toxicológico em Chapecó

Homem levou exame alterado para renovar a carteira de motorista na delegacia

- Publicidade -
 

A 1ª Delegacia de Polícia de Chapecó concluiu inquérito policial que apurava o uso de exame toxicológico falso perante a Delegacia Regional de Chapecó. Durante a investigação foi constatado que um homem de 31 anos apresentou exame toxicológico falsificado para encaminhar renovação da carteira de habilitação.

No exame que ele apresentou o resultado era negativo para todas as substâncias ilícitas, mas o policial civil que o atendeu verificou que a informação no sistema constava como positivo para cocaína.

::. Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região

Então foi instaurado inquérito policial e confirmada a suspeita de que o documento era falsificado. O suspeito disse que sabia estar encaminhando um documento falso e que um desconhecido lhe ofereceu o serviço para alterar o resultado.

O inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário para providencias. O crime de usar documento falso tem pena de reclusão, de um a cinco anos e multa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Litígio é resolvido via Whatsapp em Dionísio Cerqueira
Em maio, SC registrou o maior número de incêndios florestais dos últimos quatros anos
Justiça determina reintegração de 40 indígenas demitidos pela Seara Alimentos
Polícia cumpre mandados e apreende armas no Meio-Oeste
Fábio Henrique Machado assume o comando do 2ºBPM de Chapecó
Seis pessoas são indiciadas por fraude em vistoria veicular em Chapecó
Carro e metade de casa são incendiados em Chapecó
Adolescente é apreendido com veículo furtado em Chapecó
Após ser solto, homem procura ex-mulher e é preso novamente em Chapecó
Polícia Civil elucida furtos em Pinhalzinho realizados pelo mesmo homem