Processo licitatório do novo Contorno Viário de Chapecó já está homologado

Falta agora apenas a liberação da primeira parcela do convênio para que seja dada a ordem de serviço de início da construção da ligação entre a BR-282 e a SC-283

- Publicidade -
 

Bruno Pace Dori
politica@diariodoiguacu.com.br

A Comissão Municipal de Licitações da Prefeitura de Chapecó homologou o processo licitatório CC60/2020, que trata da contratação dos serviços de execução, com fornecimento de material e mão de obra, para implantação e pavimentação asfáltica do Contorno Viário Extremo Oeste – ligação entre as rodovias BR-282 e SC-283. A vencedora do certame, realizado na modalidade concorrência menor preço, foi a Construtora Oliveira Ltda., com o valor de R$ 36.330.388,46.

O valor estimado da obra no processo licitatório era de R$ 54.600.408,11, portanto, o certame foi concluído R$ 18.270.019,65 abaixo do previsto. O secretário de Desenvolvimento Urbano de Chapecó, Américo do Nascimento Junior, disse que quando o projeto foi feito, o valor do Cimento Asfáltico de Petróleo (CAP), que é usado para a pavimentação e é cotado em dólar, estava bem acima do que quando a licitação foi realizada, o que permitiu a redução do custo.

Conforme Américo, a administração municipal aguarda agora o repasse, por parte do governo do Estado, da primeira parcela do convênio, no valor de R$ 5 milhões, para emitir a ordem de serviço de início da obra. A expectativa é que a liberação dos recursos aconteça nos próximos dias. Ao todo, o governo estadual vai aportar R$ 25 milhões para a construção deste Contorno Extremo Oeste. O prazo previsto de execução da obra é de dois anos após a ordem de serviço.

O projeto do Contorno Viário Extremo Oeste contempla a ligação entre a BR-282, próximo ao condomínio Espelho das Águas, na linha Colônia Bacia, até a SC-283, na linha Simonetto, logo após a entrada para o loteamento Vederti, em um trecho com 11,4 quilômetros de extensão. Américo salientou que cerca de 70% da rodovia será construído sobre a atual faixa de rodagem da estrada municipal Alcebíades Sperandio, passando próximo das linhas Cascavel e Sarapião.

Pelo alto fluxo de veículos pesados que utilizará o novo Contorno, ele terá características de rodovia. Com isso, estão previstos a construção de alças para retorno de caminhões e ônibus e trechos com terceira pista. Serão instalados dois trevos, um na SC-283, próximo à entrada do loteamento Vederti, e outro na BR-282, na altura do condomínio Espelho das Águas, para dar maior fluidez ao trânsito, facilitar o acesso à rodovia e diminuir o risco de acidentes nos locais.

Escoamento da produção agroindustrial

A construção de uma ligação entre a SC-283 e a BR-282 é considerada muito importante para o desenvolvimento de Chapecó, especialmente, para o escoamento da produção agroindustrial, devido às agroindústrias localizadas naquela região, que recentemente ampliaram ainda mais as suas produções. A expectativa é de que, diariamente, entre 250 e 300 caminhões circulem pelo local, sendo o novo Contorno Viário, portanto, importante para desviar o trânsito pesado.

Atualmente, os caminhões precisam atravessar as avenidas Attilio Fontana e Leopoldo Sander e o acesso a Chapecó (BR-480) para acessar ou sair das agroindústrias. Além de melhorar a mobilidade urbana, o Contorno Viário Extremo Oeste também contribuirá com a diminuição de custos de transporte. Ainda, facilitará o acesso de universitários da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) e da Unochapecó e de visitantes vindos dos vários municípios da região.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Bolsonaro anuncia Milton Ribeiro como novo ministro da Educação
Digitalização acelera análise de obras em Pinhalzinho
Deputados cobram mais leitos de UTI nos hospitais de Santa Catarina
Governo catarinense pede autorização para abertura de crédito de R$ 75 milhões para a covid
Comissão Gestão de Águas realiza encontro com moradores do loteamento Zanrosso
Morre Nelso Foralosso, ex-vereador de Xavantina
Luciane Stobe confirma sua pré-candidatura a prefeita de Chapecó
CPI dos Respiradores encaminha 15 perguntas ao governador Carlos Moisés
Governo do Estado anuncia Enio Parmeggiani no comando da SCPar
Douglas Borba e advogado deixam a prisão após conseguirem habeas corpus