PSD promove jantar de mobilização em Chapecó

1ª Galinhada no Tacho reuniu cerca de 800 pessoas, entre filiados e simpatizantes

- Publicidade -
 

Em evento realizado na noite de sexta-feira (12), no CTG Quero-Quero, o PSD de Chapecó deu início à mobilização para a eleição de 2020, com a realização da 1ª Galinhada no Tacho, que teve cerca de 800 pessoas. O evento contou com a presença do ex-deputado João Rodrigues, do vice-presidente municipal, Eldimar Jagnow, e vereadores e outras lideranças do partido.

Além de mobilizar filiados e simpatizantes, o jantar serviu para apresentar 27 pré-candidatos a vereador em Chapecó. O objetivo é que esse número chegue a 32 até o processo eleitoral, que é o número máximo em Chapecó. “Foi um ato para iniciar as discussões para as eleições municipais, quando haverá escolha de novos prefeitos e vereadores no País”, diz Rodrigues.

::: Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região :::

Lideranças de outros partidos também estiveram presentes, prestigiando o ato. Rodrigues ressalta que o objetivo agora é construir um projeto para Chapecó e buscar siglas que apoiem, para juntos comporem em 2020. “Fomos os responsáveis por retomar o crescimento de Chapecó e vamos oferecer à população um projeto ainda mais forte e inovador”, explica.

A respeito de nomes à majoritária, Rodrigues disse que ainda é cedo para falar em nomes. “Agora estamos planejando um projeto para a cidade, forte e inovador para nosso futuro”. Ausente por compromissos pessoais fora de Chapecó, o presidente municipal, José Caramori, diz que o partido terá pessoas comprometidas com os desafios que Chapecó precisa enfrentar.

::: Participe do nosso grupo de WhatsApp :::

O momento, explica Rodrigues, é ouvir representantes do setor produtivo e das comunidades, buscando formar uma chapa forte para concorrer ao Legislativo municipal e construir pré-candidatos também para a majoritária. “Não estamos falando sobre nomes, mas sobre projeto, buscando apoios de lideranças e outros partidos. Isso fica mais para frente”, finaliza.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Fecam aponta prejuízos com a retirada de incentivo fiscal
Marlene Fengler defende pautas da região Oeste
HRO precisa de R$ 2,5 milhões por mês para viabilizar trabalhos na nova ala
Bolsonaro se reúne com parlamentares catarinenses
Vice-governadora defende o setor produtivo catarinense
Governador de SC recebe deputados na Casa d’Agronômica
Organização de fórum de agronegócio pede apoio da Bancada do Oeste
PL planeja ações em Santa Catarina de olho em 2020
Bancada catarinense define pauta para reunião com Bolsonaro
Deputados pedem audiência com governador sobre suspensão de isenção de ICMS