Réu é absolvido da acusação de tentativa de homicídio por falta de provas em Chapecó

Ele era acusado por um crime que aconteceu durante uma briga em um bar em 2010

- Publicidade -
 

Uma das sessões mais curtas aconteceu nesta sexta-feira (24), na comarca de Chapecó. Um homem foi absolvido da acusação de tentativa de homicídio, qualificado por motivo torpe, contra Jorge Vaz.

Segundo o Tribunal de Justiça, em aproximadamente 15 minutos, a promotora, que trabalhava na acusação, sugeriu a absolvição do réu devido à insuficiência de provas.

Na sequência, o advogado fez sua defesa e os jurados votaram pela absolvição. A sentença foi lida pouco mais de três horas depois do início da sessão.

::: Acompanhe as últimas notícias de Chapecó e região

O crime

De acordo com os autos, o crime aconteceu no dia três de julho de 2010, por volta das 23h, em frente a um bar no bairro Palmital. Os dois já tinham uma desavença de um jogo de sinuca.

Eles entraram em luta corporal e o réu absolvido teria retirado a arma do irmão vítima, que também estava na briga, e acabou disparando. O tiro acertou o lado direito do peito da vítima.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Motorista perde controle da direção, sai da pista e bate em árvore em Descanso
Depósito é destruído pelo fogo em Chapecó
“Meu propósito foi cumprido e agora é hora de começar outro ciclo”, diz delegado Wagner Meirelles
Incêndio atinge galpão, máquina agrícola, carro e casa no interior de Chapecó
Curso sobre direito à moradia digna é ministrado em Chapecó
Carro capota no centro de Chapecó
Caminhão impróprio para transporte de gado é interceptado em SC
Carro é apreendido com interruptor doméstico improvisado para acender faróis
Prefeitura e moradores recolhem 2,7 toneladas de lixo e recuperam área no Goio-En
Professor Élio Maldaner de Chapecó, recebe o título Mérito Educacional