Revelação da base, Hiago é o único zagueiro da Chapecoense em condição de jogo

Douglas, Gum, Maurício Ramos e Rafael Pereira estão no departamento médico. Neto continua em trabalho de transição

- Publicidade -
 

Quatro zagueiros estão no departamento médico da Chapecoense. Rafael Pereira e Douglas tiveram lesões confirmadas, na tarde desta terça-feira (12), e se juntaram a Gum e Maurício Ramos na lista de machucados. Só tem um atleta da posição em condição de jogo, o jovem Hiago.

Após ter sofrido um trauma na derrota para o Grêmio por 1 a 0, no último domingo (10), pela Série A do futebol brasileiro, o zagueiro Rafael Pereira foi avaliado, novamente, pelo DM do Verdão. Ele passou por exames de imagem na manhã desta terça. Os resultados apontaram uma luxação de alta gravidade no ombro esquerdo.

Após o diagnóstico, constatou-se que o tratamento se dará de forma conservadora, sem a necessidade de cirurgia. Rafael Pereira já está em tratamento fisioterápico e ficará sob cuidados médicos até a completa resolução do caso. Especula-se que a recuperação seja de 20 dias.

O zagueiro Douglas, por sua vez, está em tratamento da contratura sofrida na região lombar, também durante a partida diante do Tricolor gaúcho, na Arena Condá. Ele passará por novas avaliações que indicarão a liberação ou não para realizar as atividades normalmente.

Outro que trata lesão muscular é o zagueiro Maurício Ramos. Ele não atua desde a vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG, fora de casa, pela 29ª rodada, no dia 30 de outubro, quando teve um estiramento na coxa. Gum fecha a relação de lesionados. Ele fraturou osso do pé direito e passou por cirurgia no dia 24 de outubro. A tendência é se recuperar até o fim do Brasileirão.

Revelado pelas categorias de base da Chape, Hiago, 22 anos, é o único zagueiro à disposição do técnico Marquinhos Santos para o duelo contra o Ceará, neste domingo (17), às 18h, em Chapecó, pela 33ª rodada. Com isso, ele deve formar a dupla de zaga com um volante, Amaral. Neto continua no trabalho de transição em decorrência das cirurgias após a tragédia aérea de 2016 na Colômbia.

Hiago disputou apenas nove jogos em 2019: seis pelo Catarinense e três pelo Brasileirão. O último foi no empate em 1 a 1 com o Bahia, pela 31ª rodada, na quarta-feira (6), quando substituiu Rafael Pereira, que levou uma pancada no rosto, entrando no intervalo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Federação Catarinense adia jogos das quartas de final
Chapecoense vence o Avaí no retorno do Campeonato Catarinense
Chapecoense e os consulados de Grêmio e Inter se unem em ação solidária em Chapecó
Vamos torcer juntos pelo Verdão!
É hoje! Jogo entre Chapecoense e Avaí marca o retorno do Catarinão 2020
Chapecoense fará novos exames para covid-19 nos jogadores
Goleiro João Ricardo: temos que manter o sistema defensivo forte
Justiça do trabalho tenta novo acordo entre chapecoense e famílias das vítimas de acidente aéreo
Chape terá torcida interativa para o jogo contra o Avaí
Zagueiro Joílson: será um jogo extremamente diferente