Suspeitos de aplicar o golpe do bilhete premiado em Concórdia são presos

Idosa de 67 anos foi vítima do grupo e entregou R$ 6 mil. Parte do valor foi recuperada pela Polícia Civil, em apoio com a PM e PRF

- Publicidade -
 

Três pessoas – dois homens e uma mulher – foram presos pela Polícia Civil de Concórdia, com apoio da Polícia Miliar e Polícia Rodoviária Federal, investigados por estelionato. A prisão foi na terça-feira (4), próximo à cidade de Catanduvas, na BR-282.

Conforme a Polícia Civil, o grupo é investigado por aplicar golpes do bilhete premiado na região. Uma idosa, de 67 anos, foi vítima do grupo, para quem entregou a quantia de R$ 6 mil. A Divisão de Investigação Criminal (DIC) recebeu as primeiras informações na terça-feira (4), quando foi informada sobre o golpe.

A investigação iniciou e a polícia recebeu a informação que um carro com placas de Passo Fundo (RS) passou pela unidade da Polícia Rodoviária Federal em Cachimbo (RS). Após diligências e mais apuração, a polícia conseguiu abordar o carro na cidade de Catanduvas na BR-282.

Os suspeitos, dois homens e uma mulher, foram reconhecidos pela vítima e presos em flagrante por estelionato. A polícia suspeita que o grupo faz parte de uma quadrilha de Passo Fundo que estava agindo em Santa Catarina. Dos R$ 6 mil entregues pela vítima, foi possível recuperar R$4,6 mil. Após a prisão em Catanduvas, todos foram conduzidos a DIC de Concórdia e autuados em flagrante.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Caminhoneiro de Xanxerê é morto em Ponta Grossa
Jovem empina moto, é flagrado pela polícia e cai durante a fuga em Chapecó
Jovem é esfaqueado em Chapecó
Dois são presos após carro invadir muro de residência em Chapecó
PRF recupera caminhonete furtada, clonada e com placas falsas em Xanxerê
Homem força esposa a tomar veneno em Iraceminha
Justiça mantém fiança para homem que organizou festa em Chapecó
PRF apreende 96 caixas de vinhos contrabandeados em Guaraciaba
Três são presos por furtos em residências em Chapecó
PM flagra festa em casa no bairro Efapi, em Chapecó