Tive outras sondagens, mas a Chapecoense é mais meu estilo, afirma Maurício Ramos

zagueiro destaca ambiente familiar do clube em sua apresentação oficial

- Publicidade -
 

A Chapecoense abriu as portas para Maurício Ramos retornar ao futebol brasileiro. Foram seis anos no exterior, primeiro nos Emirados Árabes Unidos, depois na Turquia e, por último, no Catar. Após tanto tempo longe do País, o zagueiro volta para jogar a Série A nacional.

Antes de ingressar no cenário internacional, Maurício Ramos defendeu Iraty, São Caetano, Coritiba e Palmeiras. Vestiu a camisa do Verdão paulista por quatro temporadas. Aos 34 anos, o defensor afirmou ter visto na Chape o caminho ideal para regressar ao Brasil e que recusou outros convites. Em entrevista coletiva, o paulista de Piracicaba também elogiou a estrutura da agremiação do Oeste catarinense.

“É um prazer estar em um clube tão amado como a Chapecoense. Estou maravilhado com a estrutura. Vou fazer o possível para honrar por onde formos. Tive outras sondagens, mas a Chapecoense é mais meu estilo. Família. Lá onde estava sempre foi muito família. Escolhemos aqui por ser uma população que abraça os jogadores. Aprendi lá fora a orientar os jogadores, motivar. Onde passei fizemos bom trabalho”, disse.

Maurício Ramos treina há 10 dias com a equipe verde-branca, mas foi apresentado de forma oficial nesta quarta-feira (17). Ele é destro, mas foi contratado por atuar pelo lado esquerdo. “Sou um cara que joga mais pela esquerda, que trabalha a bola, que tenta organizar para que o time possa, no melhor momento, fazer o gol”, comentou.

Já pode estrear

O novo reforço para o técnico Ney Franco está regularizado e pode estrear contra o São Paulo, fora de casa, nesta segunda-feira. Maurício Ramos chegou para um setor que já conta com Douglas, Gum, Hiago, Joílson e Rafael Pereira – os dois últimos se recuperam de lesão –, além de Neto, que aprimora a parte física.

A tendência é Maurício Ramos, que assinou contrato até dezembro de 2020, disputar posição com Douglas, que vem jogando pela esquerda. Dessa forma, poderá formar uma dupla experiente com Gum, 33 anos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Chapecoense perde e sai atrás na disputa pelo título catarinense sub-20 contra o Avaí
A hora é agora! Chape recebe Avaí para acalmar ambiente ou aumentar crise no Brasileirão
Chapecoense começa a decidir contra o Avaí o título do Campeonato Catarinense Sub-20
Barraquinha da Chape está no Centro
Contra o Avaí, Emerson Cris deve repetir na Chapecoense o time do empate com o Grêmio
Neto se emociona em reunião no Senado. Tragédia da Chape será tratada com Bolsonaro
Chape paga valor em carteira aos atletas, mas direito de imagem está com 3 meses de atraso
Volante da Chape, Márcio Araújo trata jogo contra o Avaí como um divisor de águas no Brasileirão
Senado vai debater indenizações pendentes às famílias das vítimas do voo da Chape
Começa a semana Avaí na Chape. Artilheiro Everaldo é a novidade para o jogo na Arena