Vôlei: técnico de Chapecó é convocado para a Olimpíada universitária na Itália

Michel Guimarães fará parte da comissão técnica da seleção brasileira

- Publicidade -
 

Ana Vertuoso/Unochapecó/Especial

A Unochapecó é uma das grandes apoiadoras do esporte no Oeste catarinense. Exemplo disso é o vôlei feminino. Por meio de uma parceria entre a universidade e a Associação Chapecoense de Voleibol (ACV), a equipe disputa competições universitárias pela instituição.

Graças a esse apoio, o técnico da equipe, Michel Guimarães, foi convocado como assistente técnico da seleção brasileira universitária de vôlei feminino. O professor integra a comissão que irá representar o país na Universíade de Verão, entre os dias 3 e 14 julho, em Nápoles, na Itália.

Essa não é a primeira convocação de Michel. Ele também disputou a última edição da Universíade – a Olimpíada universitária –, que aconteceu em Taiwan, há dois anos. Porém, mesmo tendo experiência na seleção, este momento não deixa de ser muito especial.

"O sentimento de receber essa notícia é de muita satisfação. Afinal, vou vestir um uniforme com as cores do nosso país e representar o Brasil na segunda maior competição de vôlei do mundo. É uma honra ser convocado, mas com isso também vem a responsabilidade de representar bem o nosso vôlei", comenta.

Para ele, a convocação representa um reconhecimento pessoal, e de toda a equipe que atua em Chapecó. "Quando me refiro a um reconhecimento, incluo também os profissionais e atletas. Todos estão envolvidos no processo, eu sou apenas o representante desse trabalho. Uma notícia como essa nos indica que estamos no caminho certo".

Essa conquista, segundo Michel, mostra que o trabalho desenvolvido pela associação é reconhecido, e no futuro pode render ainda mais convocações. "Nós disputamos as competições universitárias pela Uno, o que engrandece muito o nosso trabalho. Espero que nas próximas edições da Universíade, além de mim, uma atleta nossa participe também".

Devido à importância da competição, o time sabe que irá enfrentar diversas dificuldades neste período, mas as expectativas são muito positivas. "Queremos fazer uma boa campanha. O Brasil está sempre brigando pelo pódio e nós vamos com atletas qualificadas, que atualmente disputam a Superliga. Então, nossa equipe está bem bacana e acredito que vamos representar bem a Seleção", completa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Disputas esportivas continuam suspensas no Estado pelo menos até 5 de julho
Fesporte consulta federações esportivas sobre propostas de retorno das atividades em SC
Clubes da Série A do Catarinense fazem 605 testes e 9 dão positivo para o novo coronavírus
Dirigente de Xanxerê assume a Federação de Automobilismo de Santa Catarina
Concórdia batiza acordos com os jogadores de 'Bolsa Covid'
Chapecó tem atletas e técnico na seleção brasileira de handebol em cadeira de rodas
Clube de Basquete Xaxim volta aos treinos após dois meses
Fesporte apresenta propostas para cumprir calendário 2020 a dirigentes do Oeste
Só três times do Catarinense de Futebol confirmaram volta aos treinos presenciais
Em processo de dissolução, Truck Clube Chapecó doa R$ 40 mil ao Hospital Regional